EUA se tornam o país com maior número de mortes por covid-19

Óbitos atingiram 19.600 neste sábado, superando a Itália, que até então era o local com mais fatalidades provocadas pela pandemia

Vítimas da covid-19 são enterradas em vala comum na cidade de Nova York

Vítimas da covid-19 são enterradas em vala comum na cidade de Nova York

Lucas Jackson/Reuters - 9.4.2020

As mortes nos EUA por covid-19 ultrapassaram 19.600 neste sábado (11), o maior número relatado no mundo, de acordo com um relatório da Reuters, embora haja sinais de que a pandemia esteja chegando ao pico.

A Itália tem o segundo maior número de mortes: 19.468; e a Espanha está em terceiro lugar, com 16.353.

Os Estados Unidos têm cinco vezes a população da Itália e quase sete vezes a população da Espanha.

Nos últimos quatro dias, os EUA registraram cerca de 2.000 óbitos diariamente. 

Especialistas em saúde pública alertaram que o número de mortos nos EUA poderá subir para 200 mil no verão (a partir de junho), se a quarentena for cancelada nos estados daqui a 30 dias. 

As medidas de isolamento social foram impostas nas últimas semanas em 42 dos 50 estados. O setor de comércio é o mais afetado, com previsão de que sejam fechadas 20 mil vagas de emprego até o final deste mês. 

Globalmente, houve mais de 1,6 milhão de casos confirmados, com o número de mortos ultrapassando 103.000.