febre amarela
Saúde Febre Amarela: São Paulo tem 32 novos casos em uma semana

Febre Amarela: São Paulo tem 32 novos casos em uma semana

Já são 433 pessoas infectadas em todo o Estado, 163 morreram; número de vacinados segue estável

Até o momento, 433 pessoas contraíram febre amarela no estado de São Paulo

Até o momento, 433 pessoas contraíram febre amarela no estado de São Paulo

Edu Garcia/R7

A Secretaria Estadual de Saúde divulgou nesta sexta-feira (6) os números atualizados da febre amarela em São Paulo. Desde o ano passado, 433 pessoas foram infectadas pelo vírus da doença, 163 morreram.

Leia mais: Quem não pode tomar vacina contra a febre amarela

Leia mais: O que fazer em caso de reação à vacina contra a febre amarela

Os dados mostram que, apesar das campanhas de vacinação, o número de casos continua crescendo. Em uma semana, 32 pessoas contraíram febre amarela. No boletim divulgado no dia 30 de março, eram 401 casos confirmados.

O número de pessoas vacinadas, no entanto, não aumentou. Tanto o boletim do dia 30 quanto o boletim desta semana indicam cerca de 7,3 milhões de pessoas imunizadas desde o início do ano. Durante todo o ano

de 2017 foram vacinadas 7,4 milhões de pessoas.

Atualmente, existe indicação de vacina em 575 dos 645 municípios paulistas.

O município com o maior número de casos confirmados de febre amarela no estado é Mairiporã, com 157 pessoas infectadas e 42 mortes. Isso corresponde a 36,2% das infecções.

Em segundo lugar está Atibaia, que responde por 12,4% dos casos confirmados. São 54 pessoas infectadas e 18 mortes. Juntas, as duas cidades concentram quase 50% dos casos.

Mairiporã é a cidade com o maior número de casos

Mairiporã é a cidade com o maior número de casos

Divulgação

Em seguida estão Nazaré Paulista com 23 casos e 10 mortes e Guarulhos com 15 casos e 5 mortes. A capital é a quinta cidade com o maior número de casos confirmados: 11, até o momento, 7 paulistanos morreram.

Campanha de vacinação contra a febre amarela

Embora a campanha de vacinação fracionada contra a febre amarela tenha terminado no estado, os municípios que ainda não vacinaram toda a população continuam oferecendo as doses para os moradores que querem se proteger contra o vírus.

Na capital, a campanha segue até o dia 30 de maio. Quem quiser se vacinar deve ir até uma unidade de saúde, apresentar um documento de identificação com foto e, se possível, carteira de vacinação e cartão SUS.

Clique aqui e veja qual é a unidade de saúde mais próxima da sua casa.

Veja quais são as alternativas para quem não pode tomar a vacina contra a febre amarela:

    Access log