Saúde Fiocruz libera 2 milhões de doses de vacinas prontas

Fiocruz libera 2 milhões de doses de vacinas prontas

Profissionais de saúde da Fiocruz serão os primeiros a serem vacinados com a vacina da AstraZeneca

Zé Gotinha, mascote das campanhas de vacinação no Brasil, acompanhou chegada das vacinas ontem

Zé Gotinha, mascote das campanhas de vacinação no Brasil, acompanhou chegada das vacinas ontem

ALEXANDRE BRUM/ENQUADRAR/ESTADÃO CONTEÚDO

A Fiocruz iniciou neste sábado (23) a liberação das 2 milhões de doses de vacinas prontas recebidas ontem da Índia. Os caminhões começaram a sair da fundação no início da tarde. As últimas doses sairão da Fiocruz por volta das 16h, quando está prevista uma coletiva de imprensa com a presença da presidente da Fundação, Nísia Trindade Lima, e a primeira vacinação no Brasil com a vacina desenvolvida pela Universidade de Oxford, em parceria com a AstraZeneca.

O infectologista Estevão Portela, do Instituto Nacional de Infectologia Evandro Chagas, será o primeiro a receber a vacina. Também receberá a vacina a médica pneumologista do Centro de Referência Professor Helio Fraga, da Fiocruz, Margareth Dalcolmo. Ambos têm atuado na linha de frente da assistência a pacientes de covid-19 desde o início da pandemia.

A Fiocruz recebeu no início desta madrugada 2 milhões de doses de vacinas prontas, importadas do Instituto Serum, um dos centros produtores da vacina de Oxford-AstraZeneca na Índia. As vacinas chegaram no final da noite de sexta, na base área do Galeão, e seguiram para Bio-Manguinhos/Fiocruz.

Últimas