Saúde Governo do Canadá disse que não vacinados contra a Covid 'estavam certos'?

Governo do Canadá disse que não vacinados contra a Covid 'estavam certos'?

Publicações que distorcem fala de uma primeira-ministra regional circularam nas redes sociais nos últimos dias

  • Saúde | Do R7

É falso que o governo do Canadá tenha emitido um pedido de desculpa às pessoas que não se vacinaram contra a Covid-19 e dito a elas que “estavam certas” sobre os imunizantes, como mostram posts nas redes sociais.

Os conteúdos distorcem uma fala de 2022 da primeira-ministra da província canadense de Alberta, Danielle Smith, na qual ela se desculpou pelas restrições impostas a quem não tomou as doses.

“Governo canadense admite: ‘Os não vacinados estavam certos sobre as vacinas de mRNA [RNA mensageiro]’. O governo emitiu um raro pedido de desculpa aos cidadãos não vacinados na semana passada e admitiu que estava certo o tempo todo sobre a agenda da elite por trás da campanha de vacinação em massa”, diz uma das postagens.

Post mentiroso sobre vacinação contra a Covid
Post mentiroso sobre vacinação contra a Covid Reprodução

Outras publicações mencionam diretamente o discurso de Smith. Até a última segunda-feira (26), os posts acumulavam mais de 10,3 mil curtidas no Instagram e no TikTok.

No entanto, a primeira-ministra de Alberta não representa o governo nacional, mas apenas uma província do Canadá, e sua fala não é recente — foi dita em outubro de 2022.

Além disso, na ocasião, ela não afirmou que os não vacinados “estavam certos” sobre os imunizantes.

Ela apenas chamou de “discriminatórias” as punições que eles receberam por ter descumprido as restrições impostas pela pandemia de coronavírus.

Outras publicações se disseminaram nas redes
Outras publicações se disseminaram nas redes Reprodução

"Sinto muito por qualquer um que tenha sido submetido de forma inadequada à discriminação como resultado de seu status de vacina”, disse.

Smith também afirmou que gostaria de conceder "perdão" às pessoas que não se vacinaram e foram impactadas.

Na fala, a primeira-ministra de Alberta não mencionou os imunizantes de mRNA, como citam os posts checados.

A Reuters Fact Check não localizou comunicados oficiais do governo canadense com declarações semelhantes sobre pessoas que não se imunizaram contra a Covid-19. Atualmente, o primeiro-ministro Justin Trudeau, que fez campanha pró-vacina durante a pandemia, governa o país.

Veredicto

Falso. O governo do Canadá não disse que não vacinados contra a Covid-19 “estavam certos” sobre os imunizantes.

Últimas