Novo Coronavírus

Saúde Hospital de campanha de Manaus vai encerrar as atividades

Hospital de campanha de Manaus vai encerrar as atividades

Segundo a prefeitura, dos 180 leitos apenas 46 estão ocupados. Hospital vai deixar de atender novos pacientes com coronavirus

  • Saúde | José Augusto Souza, da Record TV

Hospital de campanha de Manaus

Hospital de campanha de Manaus

Bruno Kelly/Reuters

O hospital de campanha de Manaus deixou de atender a partir desta segunda-feira (15) novos pacientes com covid-19. Segundo a prefeitura, dos 180 leitos apenas 46 estão ocupados. O hospital vai encerrar as atividades quando os últimos 46 pacientes receberam alta.

Depois de registrar 1.620 mortes, a capital do Amazonas pode ser a primeira do país a vencer a pandemia.

Montado em uma escola que nem chegou a funcionar, o hospital começou a funcionar em abril. Em dois meses de funcionamento, mais de 700 pessoas foram atendidas na unidade criada para desafogar o sistema de saúde do estado, que ficou lotado entre abril e maio. Em breve as enfermarias vão voltar a ser salas de aula.

Parte dos equipamentos será levada para o hospital de campanha de Boa Vista, em Roraima, estado que também aguarda autorização para enviar pacientes com covid-19 para tratamento nos hospitais de Manaus. Foram reservados 27 leitos de UTI. A transferência será feita em aviões do Exército.

Últimas