Saúde Justiça nega recurso e pequena Sofia Lacerda, portadora de doença rara, vai aos EUA

Justiça nega recurso e pequena Sofia Lacerda, portadora de doença rara, vai aos EUA

Governo havia recorrido de decisão que obriga Ministério a bancar cirurgia para salvar criança

  • Saúde | Do R7, com Estadão Conteúdo

A pequena Sofia é portadora da síndrome de Berdon

A pequena Sofia é portadora da síndrome de Berdon

Divulgação/Ajude Sofia

O Tribunal Federal de Recursos de São Paulo manteve a liminar que determinou a transferência da menina Sofia Lacerda, de cinco meses, internada em Sorocaba, para um hospital de Miami, nos Estados Unidos.

A criança é portadora da síndrome de Berdon, doença que afeta o sistema digestivo, e precisa de um transplante para sobreviver.

A transferência para o hospital americano havia sido determinada pela Justiça após ter ficado comprovado que não havia condições de fazer a cirurgia no Brasil. Mas o Ministério da Saúde havia entrado com recurso contra a decisão.

O custo do transplante é de R$ 2,4 milhões e, conforme a liminar do Tribunal Federal de Recursos, o Estado brasileiro tem de prover os meios para o tratamento. 

Leia mais notícias de Saúde no R7

Na segunda-feira (16), o advogado da criança chegou a pedir a prisão do ministro da Saúde, Arthur Chioro, por descumprir a ordem judicial — a Justiça havia determinado que a transferência fosse feita até a última sexta-feira (12).

O impasse levou diversos artistas a iniciar uma campanha para salvar a menina.

Confira o reportagem sobre a campanha:

Últimas