Novo Coronavírus

Saúde Pfizer inicia processo para aprovação plena de órgão dos EUA

Pfizer inicia processo para aprovação plena de órgão dos EUA

Vacina contra a covid-19 já tem registro definitivo no Brasil, o que permite vacinação em massa e comercialização com setor privado

Agência Estado
A vacina da Pfizer foi a primeira a obter o registro definitivo pela Anvisa no Brasil

A vacina da Pfizer foi a primeira a obter o registro definitivo pela Anvisa no Brasil

Dado Ruvic/Reuters

A farmacêutica americana Pfizer e a parceira alemã BioNTech anunciaram nesta sexta-feira (7) que deram entrada no processo para obter aprovação plena da FDA - como é conhecida a agência reguladora de medicamentos e alimentos dos EUA - para o uso de sua vacina contra a covid-19 em indivíduos de 16 anos ou mais no país.

A vacina já havia recebido autorização emergencial da FDA em dezembro. Desde 11 de dezembro, quando o aval emergencial foi concedido, as empresas já entregaram mais de 170 milhões de doses da vacina nos EUA. Pfizer e BioNTech também submeteram pedido à FDA para ampliar o uso da vacina a indivíduos de 12 a 15 anos nos EUA.

Últimas