Novo Coronavírus

Saúde Reino Unido volta a registrar aumento de mortes por covid-19

Reino Unido volta a registrar aumento de mortes por covid-19

Nas últimas 24 horas, 626 pessoas morreram, 87 a mais que ontem, elevando número a 31.241. Estatísticas dizem que país pode ter mais de 36 mil mortos

Mortes no Reino Unido voltam a crescer

Mortes no Reino Unido voltam a crescer

Andy Rain/EFE-EPA - 18.04.20

As mortes por covid-19 no Reino Unido somam agora 31.241, após o registro de 626 novos óbitos nas últimas 24 horas - 87 a mais do que ontem -, informou nesta sexta-feira (8) o governo britânico.

Durante entrevista coletiva, o ministro do Meio Ambiente, George Eustice, especificou que essas mortes correspondem a casos no novo coronavírus confirmados por testes, embora outros números do Escritório Nacional de Estatística britânico (ONS, sigla em inglês) indiquem que o número total de mortes atribuídas ao vírus pode ultrapassar a marca de 36 mil.

Um bebê de seis semanas, com doença pré-existente, tornou-se a vítima mais jovem da doença no país, de um grupo de 12 pessoas com menos de 19 anos que morreram por Covid-19.

Esses novos dados são conhecidos às vésperas do primeiro-ministro Boris Johnson anunciar no próximo domingo seu plano de diminuir o confinamento imposto em 23 de março, embora ele tenha avisado que agirá com cautela para evitar um segundo surto da pandemia.

O ministro George Eustice enfatizou hoje que, até que as variações - que se espera que sejam pequenas -, sejam conhecidas, os britânicos devem "ficar em casa" neste ensolarado fim de semana prolongado, já que hoje é feriado no Reino Unido.

Enquanto se aguarda o plano do governo para a Inglaterra, a região mais populosa, os governos autônomos da Escócia, País de Gales e Irlanda do Norte advertiram que não planejam alterar significativamente as restrições em seus territórios a curto prazo, pois consideram que isso seria arriscado.

Isso implica que as nações que compõem o Reino Unido, que até agora coordenaram a luta contra o vírus, poderiam evoluir com medidas diferentes, dependendo da situação.

Últimas