Suspeita de coronavírus adia evento com presença de Maia e Toffoli

Um dos integrantes da organização do encontro seria o possível infectado pelo novo coronavírus, que causa a doença covid-19

 Rodrigo Maia, participou do evento na segunda (09)

Rodrigo Maia, participou do evento na segunda (09)

RENATO COSTA /FRAMEPHOTO/ESTADÃO CONTEÚDO

O encontro anual Educação Já!, promovido pela ONG Todos pela Educação em Brasília, foi cancelado na manhã desta terça-feira (10) porque um dos integrantes da organização do evento está com suspeita de infecção pelo novo coronavírus SARS-CoV2 (que causa a doença covid-19).

O encontro seria realizado em três dias. Na segunda-feira (10), o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia, já havia participado da reunião, que contou com cerca de 500 pessoas.

A cerimônia traz um cenário atualizado das políticas prioritárias para melhorar a qualidade do ensino básico no país e debates com os principais atores técnicos e políticos do setor.

A programação incluiria painéis para aprofundar o debate sobre políticas propostas pela ONG, diálogos com alunos e educadores sobre temas presentes no dia a dia da escola pública e discussões sobre os desafios políticos associados ao avanço de uma agenda educacional efetiva.

Entre os convidados, foram confirmados: o presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), o ministro Dias Toffolil, o presidente da Câmara dos Deputados, o deputado Rodrigo Maia (DEM), os governadores Eduardo Leite (Rio Grande do Sul, PSDB) e Paulo Câmara (Pernambuco, PSB), e os secretários estaduais de Educação Maria Cecilia Motta (MS), Julia Sant’Anna (MG), Frederico Amancio (PE) e Rossieli Soares (SP).