Coronavírus

Saúde Vacina da AstraZeneca recebe certificado de produção da Anvisa

Vacina da AstraZeneca recebe certificado de produção da Anvisa

Procedimento que assegura Boas Práticas de Fabricação do imunizante é uma das etapas necessárias para o registro pela agência de saúde brasileira

  • Saúde | Do R7

Vacina é desenvolvida no Brasil pela Oswaldo Cruz

Vacina é desenvolvida no Brasil pela Oswaldo Cruz

Dado Ruvic/Illustration/Reuters - 31.10.2020

A Anvisa (Agência Nacional de Vigiância em Saúde) certificou nesta quarta-feira (23) a fabricante da vacina da AstraZeneca, desenvolvida em parceria com a Universidade de Oxford e Fundação Oswaldo Cruz. O documento, que garante Boas Práticas de Fabricação da empresa, é um dos requisitos do processo de registro do imunizante pela agência brasileira.

A certificação acontece após inspeção realizada entre os dias 7 e 11 de dezembro pela equipe técnica da Anvisa. A avaliação ainda levou em conta informações complementares enviadas pela WuXi Biologics Co., Ltd., responsável pela fabricação do insumo da vacina.

Em nota, a Anvisa ressalta que, com processo burocrático, antecipou em cerca de 10 dias a previsão inicial de publicação da decisão sobre a certificação. "A etapa finalizada é um dos pré-requisitos para a continuidade do processo de registro e faz parte dos esforços contínuos da agência para a disponibilização das vacinas para a população com qualidade, segurança e eficácia no menor tempo possível", disse a agência.

Na última segunda-feira (21), a Anvisa concedeu a certificação de Boas Práticas de Fabricação da Sinovac, laboratório chinês responsável pela produção da CoronaVac em parceria com o Instituto Butantan.

A equipe técnica da agência foi à China inspecionar a fábrica e concluiu, no fim de semana, a avaliação das informações complementares enviadas tanto pela empresa chinesa quanto pelo Butantan.

Últimas