Coronavírus

Saúde Vacinados são apenas 3% dos internados com Covid no Reino Unido

Vacinados são apenas 3% dos internados com Covid no Reino Unido

Percentual equivale aos que concluíram esquema vacinal; entre quem havia tomado só a 1ª dose, internações foram de 13%

Mais de 82% dos britânicos já concluíram esquema vacinal contra Covid-19

Mais de 82% dos britânicos já concluíram esquema vacinal contra Covid-19

Henry Nicholls/Reuters

Um estudo conduzido por pesquisadores britânicos deixa evidente como a vacinação completa contra Covid-19 tem impacto significativo na redução do adoecimento.

Em um artigo publicado no periódico científico BMJ, eles observaram que entre 40 mil pessoas hospitalizadas, de dezembro de 2020 (quando começou a vacinação no Reino Unido) a julho deste ano, as que haviam concluído o esquema vacinal representavam apenas 3% do total.

Outros 13% dos internados haviam tomado somente a primeira dose. Cabe ressaltar que o esquema vacinal incompleto pode ser insuficiente para conter o agravamento de quadros em pessoas infectadas pela variante Delta do coronavírus, segundo um estudo recente publicado no The New England Journal of Medicine.

A grande maioria (84%) dos que deram entrada em hospitais britânicos nos oito meses da pesquisa eram pessoas sem nenhuma dose de vacina.

Mortes

O estudo também aponta um resultado ainda mais positivo entre os vacinados: a redução das mortes.

O grupo analisou dados do que chamou de "mortes inesperadas", aquelas de pacientes com vacinação completa que contraíram Covid-19 e evoluíram para óbito.

"Dados do Escritório Nacional de Estatísticas mostram que 256 (0,5%) das 51.228 mortes relacionadas à Covid-19 que ocorreram na Inglaterra entre 2 de janeiro e 2 de julho de 2021 foram mortes inesperadas", afirmam os pesquisadores.

Quase 90% de toda a população do Reino Unido já recebeu ao menos uma dose de vacina contra Covid-19. Desse total, 82,4% concluíram o esquema vacinal.

Últimas