Saúde SP confirma que grávidas foram contaminadas com a varíola dos macacos

SP confirma que grávidas foram contaminadas com a varíola dos macacos

Em todo o estado de São Paulo já são 1.298 casos da doença, com a maior parte na capital

O governo de São Paulo confirmou os primeiros casos de varíola dos macacos em grávidas. Apesar de a letalidade da doença ser baixa, o risco é maior para grávidas, crianças com menos de 8 anos e pacientes com baixa imunidade. O Ministério da Saúde orientou que gestantes, puérperas e lactantes devem usar máscara em locais fechados. No caso das grávidas diagnosticadas com o vírus, haverá acompanhamento e indicação para o parto em uma unidade de alto risco.

Veja ainda nesta edição do Boletim JR 24H: Câmara aprova projeto que torna crime o estelionato sentimental.

Últimas