Tecnologia e Ciência Escolas na China monitoram alunos com uniforme tecnológico

Escolas na China monitoram alunos com uniforme tecnológico

Presença é controlada por microchip que envia os dados direto para os pais e um alarme é acionado caso alguém tente sair sem autorização 

Uniforme tecnológico

Crianças chinesas são monitoradas por uniforme tecnológico

Crianças chinesas são monitoradas por uniforme tecnológico

Pixabay

Mais de 10 escolas na província de Guizhou, no sudoeste da China, adotaram "uniformes inteligentes" para monitorar melhor a frequência dos alunos, de acordo com as informações publicadas pelo The Global Times.

Com o uso da roupa tecnológica, as escolas recebem um registro preciso da entrada e saída de cada aluno. Esses dados são enviados automaticamente aos pais e responsáveis para o controle da frequência da criança.

Se algum aluno sair da escola sem permissão, um alarme é acionado. As crianças também não podem trocar ou emprestar as peças de roupa. Com a ajuda de equipamentos de reconhecimento facial instalados nas portas das escolas, o sistema consegue conferir a identidade de quem está usando o uniforme. 

Segundo a fabricante, os dois chips instalados nos ombros dos uniformes podem suportar até 500 lavagens. Mais de 800 alunos chineses usam diariamente esses uniformes desde 2006.

Privacidade

Os uniformes podem provocar preocupações quanto a privacidade dos alunos. O sistema pode localizar os alunos mesmo fora do horário escolar.

O diretor de uma das escolas afirma que os dados de localização não são coletados após a aula. No entanto, é possível verificar a posição exata de um aluno desaparecido ou que tenha faltado sem motivo.

Veja também: 

Descubra 9 itens do cotidiano projetados com tecnologia da Nasa