Tecnologia e Ciência Estudo calcula idade dos cachorros equivalente à dos humanos

Estudo calcula idade dos cachorros equivalente à dos humanos

Pesquisadores da Universidade de San Diego desenvolveram método para analisar composição química das células e indicar a idade do animal

Não basta multiplicar os anos de vida do cão por 7

Não basta multiplicar os anos de vida do cão por 7

Pixabay/Reprodução

Pesquisadores da Universidade da de San Diego, nos EUA, publicaram um estudo, na última quinta-feira (2), que apresenta uma forma mais precisa para calcular quantos anos os cachorros teriam se fossem humanos. 

Uma conhecida "fórmula" para fazer essa conversão de idade multiplicava por 7 os anos de vida do animal. Assim, um cachorro de 2 anos teria 14 em 'anos humanos'.

De acordo com o estudo, os cães envelhecem de forma muito mais rápida, mas o desenvolvimento não acontece como uma curva reta, diferentemente dos humanos. 

"Um cachorro de um ano tem a idade similar a um humano de 30, e, com 4 anos, os cães podem ser comparados a humanos de 52 anos. Quanto mais velhos os cachorros ficam, mais devagar envelhecem", explica Trey Ideker, líder da pesquisa e professor da Universidade de San Diego.

Gráfico mostra envelhecimento de um cachorro em relação aos humanos

Gráfico mostra envelhecimento de um cachorro em relação aos humanos

Divulgação/ UCSD

O resultado da pesquisa apresenta um novo "relógio genético" que determina a idade com base no desenvolvimento das células e suas mudanças químicas. Compostos, como a methiolamina, estão presentes em células mais velhas mesmo que o DNA não tenha se alterado. 

"Esses indicadores são como pistas da idade do genoma. Podem ser comparadas às rugas no rosto de pessoas mais idosas, denunciam a idade", continua Ideker. 

De acordo com o pesquisador, a descoberta permite a criação de produtos específicos para cada idade do animal, além de auxiliar nos testes de novos remédios para cães e até para paciente humanos, baseados na genética de cada um.

Veja também:  

Cãozinho não sai de casa sem um de seus bichinhos de pelúcia

Últimas