Facebook
Tecnologia e Ciência Facebook não explica vazamento de dados, diz Parlamento Britânico

Facebook não explica vazamento de dados, diz Parlamento Britânico

Comissão examina escândalo sobre o uso indevido de dados pela consultoria Cambridge Analytica na campanha de Donald Trump e no Brexit

Privacidade na rede

Autoridades britânicas investigam o uso irregular de dados do Facebook

Autoridades britânicas investigam o uso irregular de dados do Facebook

Thomas White/ Reuters - 26.06.18

O Facebook continua sendor evasivo em suas respostas a uma comissão parlamentar britânica que examina um escândalo sobre o uso indevido de dados da consultoria Cambridge Analytica, afirmou o presidente do comitê nesta sexta-feira (29).

O comitê digital e de mídia da Grã-Bretanha está examinando notícias falsas, e o que a consultoria, que atuou na campanha presidencial de 2016 de Donald Trump, fez com os dados do Facebook, que foram obtidos de forma inadequada.

A Cambridge Analytica disse que apagou os dados quando requisitada e não os usou na campanha de Trump. Também nega o trabalho remunerado na campanha pelo Brexit, que decidiu pela saída do Reino Unido da União Europeia.

"O Facebook continua a exibir um padrão de comportamento evasivo - um padrão que emergiu ao longo de nossa investigação", disse o presidente Damian Collins em resposta à mais recente carta do Facebook ao comitê, dizendo suas respostas sobre como ele monitora a propaganda política e seus recursos destinados à segurança eram inadequados.

"A empresa parece preferir um escrutínio mínimo e rigoroso ... Vamos abordar este ponto como parte de nosso relatório provisório que será publicado oportunamente."

Veja também:

Conheça 7 patentes assustadoras que o Facebook já registrou