IGN Galaxy S10 chega ao Brasil em abril por a partir de R$ 4.299

Galaxy S10 chega ao Brasil em abril por a partir de R$ 4.299

Qual você vai escolher?

Qual você vai escolher?

Finalmente ficamos sabendo o preço e quando chega ao Brasil a nova linha Galaxy S10 de smartphones da Samsung. Com três modelos, Galaxy S10+, Galaxy S10 e Galaxy S10e, a pré-venda começa nesta terça-feira (12) e vai até 4 de abril, com as vendas começando no dia 10 de abril.

O valor do Galaxy S10e é de R$ 4.299 e ele tem 128 GB de espaço e 6 GB de RAM. Já o Galaxy S10 tem dois preços: R$ 4.999 (128 GB de espaço e 8GB) e R$ 6.199 (512 GB de espaço e 8 GB de RAM). E, finalmente, o S10+, com tela maior, tem três faixas de preço: R$ 5.499 (128 GB e 8 GB de RAM), R$ 6.699 (512 GB e 8GB de RAM) e R$ 8.999 (1TB e 12 GB de RAM). Este modelo mais caro você leu corretamente pois ele tem 1 TB de espaço de armazenamento (que pode ser expandido para até 1,5 TB por meio de cartão microSD) e 12 GB de memória RAM.

A tela do Galaxy S10e tem 5,8 polegadas (Full HD+, Plana Dinâmica AMOLED, 19: 9 de 522ppi). O Galaxy S10 tem 6,1 polegadas (Quad HD+, Curva Dinâmica AMOLED, 19: 9 de 550ppi); e o Galaxy S10+ tem tela de 6,4 polegadas (Quad HD+ Curva Dinâmica AMOLED, 19: 9 de 438ppi).

Outro destaque é a câmera traseira tripla para todo o tipo de imagens. Os modelos S10 e S10+ têm três câmeras traseiras e funcionam de modo similar ao Galaxy A9, lançado recentemente. Você tem uma câmera "normal", outra grande angular para fotos com imagem mais ampla e outra para dar zoom.

Para fazer com que a tela ocupasse toda a parte frontal do novo, a câmera frontal foi colocada dentro da tela, algo chamado de tela "infinity-O". No caso do Galaxy S10+, são duas câmeras frontais. Fica uma espécie de "buraco negro" no meio da tela que, segundo a Samsung, não atrapalha a visão de fotos, filmes e para games.

Sob a tela, o Galaxy S10 possui ainda o inovador Leitor Ultrassônico de Impressão Digital incorporado, que possui a capacidade ler os contornos 3D de uma impressão digital. Ou seja, não é mais necessário colocar o dedo na parte de trás do aparelho, onde ficava o sensor. Agora, tudo é mais intuitivo.

O novo software de Inteligência Artificial conta com uma performance inteligente, que otimiza de forma automática não só bateria, CPU e RAM, mas também a temperatura do dispositivo, levando em conta como o consumidor utiliza o smartphone, além de iniciar mais rápido os aplicativos favoritos.

O Galaxy S10, permite que o dispositivo carregue outro smartphone ou qualquer dispositivo com a certificação Qi. Além disso, o Galaxy S10 é capaz de carregar a si mesmo e um segundo dispositivo simultaneamente via Wireless PowerShare, quando conectado a um carregador comum, permitindo que você deixe seu segundo carregador em casa durante uma viagem.

“Dez anos depois do primeiro Galaxy, não mudamos apenas a forma do smartphone, ajudamos a modificar a maneira como as pessoas se conectam. A série Galaxy S10 chega para oferecer o que há de mais avançado no mercado”, afirma Antonio Quintas, Vice-Presidente da Divisão de Dispositivos Móveis da Samsung Brasil.

Inscreva-se no canal do IGN Brasil no Youtube e visite as nossas páginas no Facebook, Twitter, Instagram e Twitch!