Tecnologia e Ciência Montadora alemã fabricará apenas carros elétricos a partir de 2033

Montadora alemã fabricará apenas carros elétricos a partir de 2033

A empresa deixará de lançar modelos com motor a combustão em 2026 para atingir a neutralidade de CO2 até 2050

AFP
Objetivo da montadora é atingir neutralidade de CO2 até 2050

Objetivo da montadora é atingir neutralidade de CO2 até 2050

Frederic J. BROWN / AFP

A montadora automobilística alemã Audi produzirá apenas veículos elétricos a partir de 2033, anunciou a empresa nesta terça-feira (22).

A Audi deixará de lançar novos modelos com motores de combustão em 2026 e paralisará completamente a produção desses veículos em 2033, segundo seu presidente, Markus Duesmann.

A única exceção possível é a China, onde a Audi está fazendo parcerias com fabricantes locais, mas a produção de carros movidos a gasolina e diesel será interrompida em outras regiões.

A Audi está sendo "estrategicamente reorientada" para atingir a neutralidade de CO2 "o mais tardar em 2050", anunciou. Ao mesmo tempo, Duesmann disse que "o último motor de combustão da Audi será o melhor já construído".

Esta mudança acelerada para carros elétricos, sob pressão de regras europeias antipoluição cada vez mais rigorosas, é parte da transição do grupo Volkswagen, cujas principais marcas oferecerão cada vez mais modelos movidos a bateria para alcançar a rival Tesla.

O grupo planeja investir € 46 bilhões (R$ 274 bilhões) ao longo de cinco anos nessa mudança.

Últimas