TNH1 Gabigol prevê reunião em janeiro e pode ficar no Brasil por seleção

Gabigol prevê reunião em janeiro e pode ficar no Brasil por seleção

Artilheiro do Campeonato Brasileiro e da Copa do Brasil em sua segunda passagem pelo Santos, o atacante Gabigol, 22, tem destino incerto para 2019. Vinculado até 2021 com a Inter de Milão, o jogador não descarta a possibilidade de seguir no futebol brasileiro por empréstimo no ano que vem, mas sabe que isso depende de uma liberação do clube italiano. Por isso está marcada uma reunião para o mês de janeiro, em Milão, quando o jogador saberá as chances de ser aproveitado na Europa.

"Minha intenção é ir para um lugar onde eu possa ser feliz e dar sequência. Tenho contrato com a Inter de Milão e em janeiro volto. Aí vamos sentar e ver o que vai acontecer. Mas existe, sim, possibilidade de jogar no Brasil. Tem grandes clubes que citam meu nome e fico muito feliz por isso, não descarto nenhuma possibilidade", disse Gabigol, ao "Esporte Espetacular" deste domingo.

Uma das principais razões que fariam Gabigol permanecer no Brasil é a possibilidade de convocação para a Copa América de 2019. Ele acha que está mais próximo de ser chamado por Tite para a seleção brasileira enquanto joga no país: "Está, sim, relacionado com Copa América. Aí que entra (jogar em) o Brasil. As coisas não foram definidas, mas no Brasil tem muitas chances de ser convocado se eu continuar fazendo o que tenho feito."

Revelado nas categorias de base e entre os principais ídolos recentes do Santos, Gabigol se despediu do clube com bons números e até divulgou um vídeo falando sobre o amadurecimento de sua segunda passagem e a consideração pelo clube. Dias depois, abriu as portas para rivais do Peixe e revelou planos de um dia disputar o Campeonato Inglês e também o de jogar pelo Flamengo. O futuro está indefinido.

    Access log