Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Publicidade

Com população revoltada, preso por estupro e morte de menina é transferido em caveirão da PM

Corpo da vítima foi encontrado em uma caçamba de lixo na comunidade do Guarabu, na Ilha do Governador; homem foi preso em flagrante

Rio de Janeiro|Do R7

Suspeito saiu da delegacia em blindado da PM (RECORD)

O suspeito de assassinar e estuprar Sophia Ângelo, de 11 anos, precisou ser transferido para a Polinter, na Cidade de Polícia, no Jacarezinho, zona norte do Rio de Janeiro, em um veículo blindado da Polícia Militar, na tarde desta terça-feira (28), após populares revoltados tentarem invadir a delegacia.

Mais cedo, uma multidão se formou em frente à 37ª DP (Ilha do Governador), onde o homem foi levado para prestar depoimento. Policiais militares usaram bombas de efeito moral para dispersar os manifestantes durante o tumulto.

O corpo da menina foi encontrado por policiais militares em uma caçamba de lixo, na comunidade do Guarabu, na Ilha do Governador, zona norte do Rio. Durante as investigações, roupas da vítima foram achadas na casa do homem.

Sophia desapareceu a caminho da escola, nesta segunda-feira (27). Imagens de uma câmera de segurança obtidas por familiares flagraram o momento em que a criança caminhava ao lado do homem, que é conhecido da família.

Publicidade

O suspeito deve responder por homicídio, ocultação de cadáver e estupro de vulnerável. De acordo com o pai da vítima, o homem já tinha um histórico de abusos contra outra menina da mesma família.


Publicidade



Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.