PF define nome que vai substituir delegado mais antigo da Lava Jato

Márcio Adriano Anselmo alegou "esgotamento" e pediu saída da força-tarefa

Do R7

Anselmo (foto) vai assumir Corregedoria da PF no Espírito Santo Paulo Lisboa/Brazil Photo Press/Folhapress - 3.8.2015

A Polícia Federal divulgou nota na quinta-feira (16) em que reforça a continuidade da Lava Jato. O texto ainda informa que já foi escolhido o delegado que substituirá Márcio Adriano Anselmo, o mais antigo da força-tarefa.

Anselmo pediu desligamento da Lava Jato em 2016, alegando "esgotamento físico e mental causado pelos mais de três anos" em que atuou no grupo de investigação no Paraná.

Inicialmente, ele queria se licenciar da PF e estudar fora. Mas acabou recebendo um convite para chefiar a Corregedoria da instituição no Espírito Santo.

Apesar de já ter definido quem será o substituto, a Polícia Federal diz que o novo nome "será oportunamente divulgado".

Continuidade

Segundo a nota, todo o recurso orçamentário para a Lava Jato em 2017 "foi totalmente aprovado e liberado pela Direção-Geral da Polícia Federal".

"A Administração Regional e a Coordenação Regional da Operação Lava Jato ratificam que são totalmente infundadas as notícias de que a Operação Lava Jato no âmbito da Polícia Federal no Paraná sofreu ou sofrerá desmantelamento", conclui a PF.

Delegados federais pedem a Temer troca de diretor-geral da PF

  • Espalhe por aí:
Publicidade

Twitter

X
Enviar por e-mail
(todos os campos marcados com * são obrigatórios)
Preencha os campos corretamente.
Mensagem enviada com sucesso!