Brasil Estúdio News deste  sábado (16) debate a economia criativa

Estúdio News deste  sábado (16) debate a economia criativa

Especialistas falam da necessidade de inovação e da importância dos negócios locais para bairros e cidades 

  • Brasil | Do R7

Os convidados do Estúdio News desse sábado (16), Sonia Helena dos Santos, professora de criatividade nos cursos de Cinema, Publicidade, Produção Cultural e Administração da FAAP, Cesar Rissete, Gerente de Competitividade do SEBRAE e Ludmilla Rossi, Co-fundadora do grupo Mkt Virtual falam sobre economia criativa.

A criatividade está por traz de toda atividade ligada a produção de bens, serviços e eventos e tem origem no capital intelectual, conforme explica Sonia Helena. A professora diz que para ser criativo é necessário pensar fora da caixa.

Sonia Helena dos Santos, Cesar Rissete e Ludmilla Rossi

Sonia Helena dos Santos, Cesar Rissete e Ludmilla Rossi

Divulgação

“Você tem que ter conhecimento, sem conhecimento, sem repertório, você não consegue realizar nada. Você tem que valorizar sua imaginação, abstrair, pensar em novas possibilidades, olhar aquilo que todo mundo vê de uma forma e enxergar outra diferente para finalmente avaliar e depois convergir, ou seja, quando eu penso em ter uma atitude diferente, ter um repertório novo, imaginar coisas novas e possibilidades, eu estou divergindo para só no final convergir. ”

As empresas do segmento continuam sendo as mais afetas, segundo pesquisa realizada pelo SEBRAE entre o final de outubro e início de novembro de 2020, porém Rissete destaca que os setores da economia criativa estão entre os que mais inovaram.

“40% das empresas do segmento de economia criativa adotaram algum grau de inovação, principalmente na questão de transformação digital, foi o setor que mais se destacou em termos de soluções on-line para ofertar os serviços aos consumidores. Isso fez com que muitas empresas conseguissem passar por esse momento e fica o aprendizado, que ele permaneça na estratégia das empresas. ”

Empreendedora na área há 20 anos, Ludmilla ressalta que não basta ter amor à arte e que é preciso uma intersecção entre ser criativo e ganhar dinheiro ou fazer o que gosta e ganhar dinheiro. Ela que viu uma oportunidade na cidade de Santos – SP, onde mora, acredita no desenvolvimento local.

“A indústria criativa e a economia criativa são muito capazes de desenvolver negócios locais e melhorar o entorno começando pelo próprio bairro, pela própria cidade e as comunidades que se formam e as vezes se aglutinam através de economia criativa, seja música, cinema, parte de tecnologia, startups, indústria de software, indústria de games, acredito totalmente nessa visão de mundo, polos que as vezes não estão dentro de metrópoles e capitais, podem se desenvolver a partir de uma cidade que encontra sua vocação na criatividade.”

O Estúdio News vai ao ar aos sábados, às 22h15. A Record News é sintonizada pelos canais de TV fechada 55 Vivo TV, 78 Net, 32 Oi TV, 14 Claro, 19 Sky e 134 GVT, além do canal 42.1 em São Paulo e demais canais da TV aberta em todo o Brasil.

Últimas