Brasil Mesmo após pedido de desculpas, Romário cobra na Justiça indenização de R$ 75 milhões à Veja

Mesmo após pedido de desculpas, Romário cobra na Justiça indenização de R$ 75 milhões à Veja

'Caso serviu para mostrar a falta de ética da revista', disse o senador em discurso no plenário

Mesmo após pedido de desculpas, Romário cobra na Justiça indenização de R$ 75 milhões à Veja

A revista Veja publicou um extrato falso de uma conta de Romário em um banco da Suíça com valor milionário não declarado à Receita

A revista Veja publicou um extrato falso de uma conta de Romário em um banco da Suíça com valor milionário não declarado à Receita

Moreira Mariz/05.08.2015/ Agência Senado

O senador Romário (PSB-RJ) fez duras críticas à Veja e afirmou, durante um discurso no plenário do Senado na última quarta-feira (5), que entrou com um processo contra a revista por danos morais.

O ex-jogador pediu R$ 75 milhões de indenização diante da exposição que sofreu por conta da publicação e um direito de resposta na edição impressa da revista, conforme foi confirmado pela assessoria do senador.

— Estou processando os jornalistas da revista Veja por danos morais no valor de dez vezes mais do que eles disseram que eu tinha na Suíça.

Leia mais notícias de Brasil e Política

Assine o R7 Play e assista Record quando e onde quiser

Durante o pronunciamento, o senador fez duras críticas à revista que, segundo ele, mesmo sofrendo processos continua fazendo publicações sem provas.

— Ser vítima de injustiça é muito ruim, mas nesse caso serviu para mostrar a falta de ética da Veja. Uma revista sem credibilidade que já sofreu vários processos e mesmo assim continua a fazer publicações sem provas.

O ex-jogador classificou o caso como uma "irresponsabilidade que não pode passar em branco".

— Sou uma pessoa pública e tenho recursos pra me defender, mas muita gente não tem. [...] Esse tipo de irresponsabilidade não pode passar em branco.

Banco suíço confirmou que os extratos de suposta conta são "falsos"

Romário também se defendeu dizendo que será sempre a favor da liberdade de expressão.

— Serei sempre a favor da liberdade de expressão, mas nesse caso se trata de um fato criminoso. [...] E por isso eles terão que esclarecer à Justiça brasileira e suíça quem falsificou esse extrato.

Entenda o caso

A revista Veja publicou em sua edição do dia 24 de julho um extrato falso de uma conta de Romário no banco BSI, da Suíça, que dizia que o ex-jogador teria R$ 7,5 milhões não declarados a Receita Federal.

Depois da publicação, Romário viajou até a Suiça para solicitar uma comprovação do erro da revista. O banco concedeu uma declaração a Romário, que a exibiu.

Depois da confirmação do banco, a revista Veja publicou um pedido de desculpas ao ex-jogador.

“Por ter publicado um documento falso como sendo verdadeiro, VEJA pede desculpas ao senador Romário e aos seus leitores”, afirma nota da revista, publicada em seu site na última quarta-feira (5).

*Colaborou Victor Labaki, estagiário do R7

Confira o discurso completo do Romário:

    Access log