Brasil Quase 1 milhão de consumidores já pediu o bloqueio de telemarketing

Quase 1 milhão de consumidores já pediu o bloqueio de telemarketing

Cadastro online foi aberto na terça-feira para usuários de todo o país. Atualmente, Brasil tem 266 milhões de clientes de telefonia fixa e móvel

Bloqueio será efetivado em até 30 dias corridos a partir da data da solicitação

Bloqueio será efetivado em até 30 dias corridos a partir da data da solicitação

Pixabay

Em apenas dois dias de funcionamento, a plataforma online Não Me Perturbe já registrou 925 mil pedidos de bloqueio de chamadas de telemarketing, de acordo com o sindicato que representa as operadoras, o Sinditelebrasil (Sindicato Nacional das Empresas de Telefonia e de Serviços Móvel Celular e Pessoal).

O site permite que o consumidor se inscreva para não receber mais ofertas de telefonia, TV por assinatura e internet. O Brasil tem hoje 266 milhões de clientes de telefonia fixa e móvel.

O cadastro online será administrado pelas próprias empresas, como determinou a Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel). A medida vale para as empresas Algar, Claro/Net, Nextel, Oi, Sercomtel, Sky, TIM e Vivo.

Como bloquear

A plataforma digital vai permitir ao cliente registrar seu número de telefone para não receber mensagens de telemarketing com oferta de serviços de telefonia, TV por assinatura e internet.

Para não receber mais essas chamadas, o cliente terá que informar nome completo, CPF e e-mail na plataforma, para criar um login e senha de acesso.

O bloqueio será efetivado em até 30 dias corridos a partir da data da solicitação.

Segundo a Anatel, se uma pessoa solicitar a sua inclusão e continuar recebendo ligações de oferta de bens e serviços de telecomunicações, ela pode ligar para o número 1331 e fazer uma reclamação. As sanções vão variar de advertência a multa de até R$ 50 milhões.