Cidades Cidades da Grande JP executam planos de vacinação

Cidades da Grande JP executam planos de vacinação

As cidades de Conde, Bayeux, Santa Rita e Cabedelo, que compõem a

Portal Correio

As cidades de Conde, Bayeux, Santa Rita e Cabedelo, que compõem a Região Metropolitana de João Pessoa (RMJP), deram início nesta terça-feira (19) a planos municipais de vacinação contra o coronavírus. A Secretaria de Estado da Saúde (SES) divulgou que a campanha de vacinação contra a Covid-19 na Paraíba começa com 114.846 doses da Coronavac. Veja abaixo o esquema em cada uma dessas cidades.

João Pessoa

A Prefeitura de João Pessoa (PMJP) informou que fez todo um planejamento para agilizar a vacinação. Na Capital, pouco mais de 13,1 mil doses foram disponibilizadas. “Os mínimos detalhes foram colocados em prática, como, por exemplo, a confecção de novos cartões de vacinação que serão usados no processo de imunização contra Covid-19”, informou a PMJP. Outro detalhe é que não é necessário ter o Cartão SUS, bastando à pessoa que for receber a vacina apresentar um documento pessoal oficial.

Leia também:

Enfermeira é a primeira pessoa imunizada contra Covid-19 na Paraíba Doses, grupos prioritários e orientações: tudo sobre vacinação na Paraíba

O plano de vacinação da Prefeitura de João Pessoa se baseia no planejamento do Programa Nacional de Imunizações (PNI) do Governo Federal e tem a meta de vacinar 95% dos grupos prioritários. Este será desenvolvido em quatro etapas. Para evitar aglomeração, a SMS irá utilizar ginásios de esportes e o sistema driver thru.

Nesta primeira fase da vacinação contra a Covid serão imunizados trabalhadores da saúde que estão na linha de frente, idosos a partir de 75 anos, pessoas de 60 anos ou mais institucionalizadas, população indígenas aldeado em terras demarcadas e povos de comunidades ribeirinhas. A segunda fase são pessoas com 60 a 74 anos, na terceira quem tem comorbidades e na quarta trabalhadores de educação, força de segurança e salvamento, funcionários do sistema prisional e presidiários.

GRUPOS ONDE DOCUMENTAÇÃO Trabalhadores da saúde, idosos; população indígena; povos e comunidades tradicionais local de trabalho (rede hospitalar, UPA e Samu) Cartão do SUS ou CPF Demais trabalhadores de saúde ginásios Cartão do SUS, CPF e documento que comprove sua função Grupo prioritário ginásios Cartão do SUS, CPF e documentação que faz parte do grupo Idosos acamados e domiciliados Residência – por agendamento – Drive thru locais a serem divulgados Cartão do SUS ou CPF

Fonte: Plano Municipal de Operacionalização contra Covid-19

Bayeux

Em Bayeux, foram disponibilizadas 1.185 doses da Coronavac, armazenadas na policlínica Benjamin Maranhão. Na primeira fase, a prefeitura vai executar o plano do Ministério da Saúde, de imunizar trabalhadores da Saúde e idosos acima de 75 anos ou que estejam em instituições de longa permanência

Cabedelo

Na cidade portuária, 762 doses foram disponibilizadas, armazenadas no anexo da Secretaria Municipal de Saúde. Há mais de 2 mil profissionais da Saúde e 1,9 mil idosos com mais de 75 anos. Haverá uma seleção de prioridade para a vacinação.

A enfermeira Desirée Dantas Dias, de 58 anos, será a primeira a receber a vacina Coronavac em Cabedelo. A imunização ocorre nesta terça-feira (19), às 14h30, na Unidade de Saúde do bairro de Intermares.

Desirée é enfermeira de estratégia de saúde da família Técnica em Cabedelo há 18 anos e atua na USF João Roberto, em Campina da Vila. Além de ser profissional de saúde da linha de frente do combate à Covid-19 desde o começo da pandemia, ela é hipertensa, diabética e obesa.

Conde

A prefeitura de Conde já possui o Plano Municipal de Vacinação contra o Covid-19 e recebe nesta terça (19) as primeiras doses da vacina e seringas encaminhadas pela Secretaria Estadual de Saúde (SES) para o município. A remessa da SES inclui mais de 5 mil vacinas e seringas que serão aplicadas em consonância ao cronograma do Governo Federal.

Na primeira etapa, que começa ainda esta semana, o grupo a ser imunizado será apenas o de profissionais de saúde, seguido pelos idosos com mais de 80 anos. As etapas seguintes imunizarão as outras faixas etárias de idosos e a população indígena.

A prefeitura disse que já tem realizado levantamento através do Programa de Saúde da Família (PSF) para identificar idosos que necessitarão de visita para receber a vacina em domicílio.

As vacinas serão nominais e destinadas à população de Conde, pois a lista de vacinados será enviada ao Ministério da Saúde, sendo essencial levar o cartão de vacina, cartão do SUS ou CPF para poder ser vacinado.

Santa Rita

A vacinação em Santa Rita ocorre no Centro Especializado de Reabilitação, mas os profissionais de Saúde serão imunizados nos seus locais de trabalho. Idosos alvos da primeira etapa deverão receber equipes da Saúde Municipal. A cidade recebeu 1.610 doses da Coronavac.

Em Santa Rita, estão no plano de vacinação mais de 4,1 mil profissionais de saúde, mais de 2,1 mil idosos acima de 80 anos e quase 1,9 mil com idades entre 75 e 79 anos.

A prefeitura criou um perfil no Instagram apenas para divulgar informações sobre a execução do procedimento de vacinação na cidade. Veja aqui.

*Com informações da TV Correio

Últimas