Diário Digital Dono de balneário é multado por degradar área protegida

Dono de balneário é multado por degradar área protegida

Depois de receberem denúncias, policiais militares ambientais de Miranda (MS) constataram irregularidades na execução de obras em um balneário próximo à cidade de Bodoquena. Os policiais autuaram o proprietário do balneário, por ampliação e execução de obras causando degradações ambientais em área protegida do córrego Betione, o qual é utilizado como balneário no local. Durante […] O post Dono de balneário é multado por degradar área protegida apareceu primeiro em Diário Digital.

Depois de receberem denúncias, policiais militares ambientais de Miranda (MS) constataram irregularidades na execução de obras em um balneário próximo à cidade de Bodoquena.

Os policiais autuaram o proprietário do balneário, por ampliação e execução de obras causando degradações ambientais em área protegida do córrego Betione, o qual é utilizado como balneário no local.

Durante a vistoria, os policias verificaram a construção de uma passarela de 100 metros de comprimento por um metro e largura, dentro da área protegida de matas ciliares do córrego Betione (Área de Preservação Permanente).

O proprietário informou que não possuía a licença ambiental para a obra. A atividade foi interditada.

O infrator (57), residente em Bodoquena, foi autuado administrativamente e foi multado em R$ 15.000,00.

O autuado também poderá responder por crime ambiental de degradação de área de preservação permanente (APP). A pena é de um a três anos de detenção.

Ele foi notificado a apresentar um Plano de Recuperação da Área Degradada e Alterada (PRADA) junto ao órgão ambiental estadual, que avaliará a intervenção feita no local e que julgará o auto de infração efetuado pela PMA.

O post Dono de balneário é multado por degradar área protegida apareceu primeiro em Diário Digital.

Últimas