Diário Digital Homem diz ter matado vigilante para vingar estupro da filha

Homem diz ter matado vigilante para vingar estupro da filha

O acusado de matar o vigilante, Damião Leite de Sousa de 51 anos de idade, na quarta-feira (7) em Nova Andradina (MS), se apresentou na Delegacia de Polícia Civil nesta sexta-feira (9) com seu advogado Vitor Cáceres, da cidade de Dourados (MS). O homem foi identificado como Manoel de 37 anos, que também trabalha como […] O post Homem diz ter matado vigilante para vingar estupro da filha apareceu primeiro em Diário Digital.

O acusado de matar o vigilante, Damião Leite de Sousa de 51 anos de idade, na quarta-feira (7) em Nova Andradina (MS), se apresentou na Delegacia de Polícia Civil nesta sexta-feira (9) com seu advogado Vitor Cáceres, da cidade de Dourados (MS). O homem foi identificado como Manoel de 37 anos, que também trabalha como vigilante e, é primo da vítima, confessou o crime.

O advogado do homem disse que o cliente confessou como tomou a drástica decisão de tirar a vida da vítima. Segundo Vitor, a motivação do crime foi porque a vítima teria abusado sexualmente da filha de Manoel, de seis anos.

"Elevado de grande emoção, Manoel que não é homicida, é um pai de família e trabalhador, foi a procura de Damião, houve uma conversa, mas por instinto acabou o alvejando”, relatou o advogado.

Após cometer o crime, o homem se afastou da cidade e pensou em suicídio, porém, tinha jogado a arma de fogo fora e hoje, se apresentou espontaneamente à Polícia Civil. No momento, não havia mandado de prisão contra ele.

Conforme informações policiais, a vítima levou seis tiros, todos nas costas, com munição do tipo expansiva, ou seja, que se abre quando penetra o alvo, deixando dilacerações mais profundas que causam maior sangramento. Essa munição também é conhecida como ponta-oca ou ogival.

O crime — Funcionário de uma empresa de segurança, identificado como Damião Leite de Sousa de 51 anos, trabalha realizando rondas de moto e foi morto a tiros no início da madrugada desta quarta-feira, 7 de Outubro, na região central de Nova Andradina (MS).

De acordo com a apuração da reportagem pelo Jornal da Nova, o Corpo de Bombeiros Militar foi acionado para atender um suposto acidente de moto, onde a vítima aparentava estar inconsciente, próximo a avenida José Heitor de Almeida Camargo.

No local, os bombeiros verificaram que o homem que estava em uma moto modelo Honda CG Fan 125 e, havia sido alvejado com tiros e já estava sem vida.

A Polícia Militar junto com a Perícia Criminal e a Polícia Civil foram até o local. E, constataram que a vítima foi atingida com pelo menos cinco tiros de arma de fogo.

As câmeras de segurança próximas ao local do crime podem ajudar a apurar os fatos. O caso segue em investigação.

(Com informações Jornal da Nova)

O post Homem diz ter matado vigilante para vingar estupro da filha apareceu primeiro em Diário Digital.

Últimas