Diário Digital Mulher é presa por causar confusão e cortar os punhos

Mulher é presa por causar confusão e cortar os punhos

Em um bar de Cassilândia (MS), uma mulher de 46 anos de idade, foi presa após causar confusão. Após denúncias na segunda-feira (25) a equipe policial compareceu no local e a encontrou sentada na calçada com dois cortes no punho direito. O proprietário do local contou aos policiais que a autora achou que uma cliente […] O post Mulher é presa por causar confusão e cortar os punhos apareceu primeiro em Diário Digital.

Em um bar de Cassilândia (MS), uma mulher de 46 anos de idade, foi presa após causar confusão. Após denúncias na segunda-feira (25) a equipe policial compareceu no local e a encontrou sentada na calçada com dois cortes no punho direito.

O proprietário do local contou aos policiais que a autora achou que uma cliente teria saído do estabelecimento sem pagar e disse também que não pagaria a sua cerveja. Ao ser questionada, a mulher quebrou doze copos e uma garrafa de vidro.

Em seguida, ela pegou os cacos da garrafa e cortou o próprio braço por duas vezes. Os policiais tentaram estancar o sangue com uma toalha porém, a mesma dizia que não queria ser socorrida por eles.

Conforme o Dourados News, enquanto esperando a ambulância para o atendimento, a mulher começou a desacatar os policiais. Ela ainda passou a balançar o próprio braço para que o sangue atingisse a equipe.

Após ser socorrida pela ambulância, a mulher também recusou atendimento médico da Santa Casa da cidade e não deixou que o médico suturasse os cortes de aproximadamente 10 centímetros.

Descartado o risco de morte por esgotamento, a guarnição informou à autora que ela seria encaminhada para a delegacia de Polícia Civil, momento em que começou a desobedecer as ordens policiais e se debateu para entrar no compartimento de preso da viatura.

A polícia conseguiu conte-lá e a encaminharam para a delegacia para os procedimentos cabíveis.

O post Mulher é presa por causar confusão e cortar os punhos apareceu primeiro em Diário Digital.

Últimas