Diário Digital Substituição de poste de energia pode variar entre R$ 500 e R$ 5 mil, segundo Energisa

Substituição de poste de energia pode variar entre R$ 500 e R$ 5 mil, segundo Energisa

Em nota divulgada na tarde deste sábado (18) sobre a colisão de um caminhão que ocasionou a interrupção no fornecimento de energia, na Rua Raul Pires Barbosa, no Bairro Chácara Cachoeira, em Campo Grande, a Energisa explica que o custo para a substituição do poste será “de responsabilidade do condutor do veículo, e pode variar […] O post Substituição de poste de energia pode variar entre R$ 500 e R$ 5 mil, segundo Energisa apareceu primeiro em Diário Digital.

Em nota divulgada na tarde deste sábado (18) sobre a colisão de um caminhão que ocasionou a interrupção no fornecimento de energia, na Rua Raul Pires Barbosa, no Bairro Chácara Cachoeira, em Campo Grande, a Energisa explica que o custo para a substituição do poste será “de responsabilidade do condutor do veículo, e pode variar entre R$ 500 e R$ 5 mil", conforme a concessionária.

O caminhão derrubou pelos menos seis postes sobre a rede elétrica danificando a fiação de energia, quando transportava um trator. De acordo com a nota, funcionários da empresa "atuam para restabelecer o fornecimento aos 1.312 clientes impactados inicialmente pelo acidente. Devido à complexidade dos reparos, a energia foi normalizada parcialmente para os moradores da região, e restam 313 unidades consumidoras para serem normalizadas".

A nota diz ainda que “em caso de colisão de veículos em postes da rede de energia elétrica, a Energisa orienta a população a não se aproximar de cabos rompidos ou caídos ao chão, pois podem representar riscos à segurança. Importante também que não se aproximem das partes metálicas dos veículos para evitar possíveis acidentes", assegura.

A concessionária ainda orienta para que em casos semelhantes, o cliente entre em contato imediatamente com a concessionária pelo 0800 722 7272 ou com o Corpo de Bombeiros.

O post Substituição de poste de energia pode variar entre R$ 500 e R$ 5 mil, segundo Energisa apareceu primeiro em Diário Digital.

Últimas