Folha Vitória Após revelar que foi estuprada aos 14 anos, Anitta recebe apoio do movimento MeToo

Após revelar que foi estuprada aos 14 anos, Anitta recebe apoio do movimento MeToo

O MeToo Brasil reitera a importância da coragem da cantora, que serve de exemplo a todas e todos que passaram por situações semelhantes a procurarem ajuda e a denunciarem, mesmo que o crime já esteja prescrito

Folha Vitória
Foto: Reprodução / Instagram
Folha Vitória

Folha Vitória

Folha Vitória

Após a cantora Anitta revelar na série documental “Anitta: Made in Honório” ter sido vítima de estupro quando era adolescente, o movimento MeToo Brasil, que acolhe vítimas de violência sexual, divulgou na quarta-feira (16) uma nota em apoio a cantora.

“Sabemos o quanto é doloroso relembrar um episódio de abuso sexual, principalmente quando corrido em uma fase tão importante do desenvolvimento quanto a adolescência. Por isso, o MeToo Brasil reitera a importância da coragem da cantora, que serve de exemplo a todas e todos que passaram por situações semelhantes a procurarem ajuda e a denunciarem, mesmo que o crime já esteja prescrito.”

De acordo com a entidad, o relato da cantora é semelhante ao de diversas vítimas que usam seus canais de atendimento. “O depoimento de Anitta evidencia uma característica do abuso sexual no Brasil, onde a maioria das vítimas são menores de idade e muitos dos agressores são da família ou próximos”, afirma o comunicado.

“A força da cantora ao fazer seu relato mostra a dificuldade enfrentada pelas vítimas, que muitas vezes não têm meios e nem recebem acolhimento”, finaliza a entidade. “O MeToo Brasil e toda sua rede de apoio estendem a mão à Anitta e a todas as mulheres que sofreram algum tipo de abuso. Vocês não estão sozinhas!”

Últimas