Folha Vitória Casal com crianças se passa por passageiros para assaltar motorista de aplicativo

Casal com crianças se passa por passageiros para assaltar motorista de aplicativo

Vítima foi golpeada com uma faca e teve vários ferimentos pelo corpo

Folha Vitória
Foto: Reprodução TV Vitória
Folha Vitória

Folha Vitória

Folha Vitória

Um casal com duas crianças, uma delas um bebê, tentou assaltar um motorista de aplicativo, na região do bairro André Carloni, na Serra. Durante o crime, a vítima foi esfaqueada e teve diversos ferimentos.

Por volta das 4h da manhã deste domingo (09), o motorista de aplicativo atendeu ao pedido da corrida. Os passageiros, um casal e os dois filhos, embarcaram na região de Santa Monica, em Vila Velha. Segundo a vítima, as crianças aparentavam ter cerca de quatro e um ano de idade. 

O motorista contou que a mulher estava amamentando o bebê. A vítima disse, ainda, que está acostumada a trabalhar de madrugada e sempre toma algumas precauções. Ele disse que não desconfiou da família que havia embarcado. 

O destino dos supostos passageiros era o bairro Novo Horizonte, na Serra. Durante a viagem, de acordo com a vítima, o homem conversava com alguém pelo telefone, que pagaria pela corrida. 

Ao chegarem ao destino, o amigo da família que efetuaria o pagamento da corrida não estava no local. O casal pediu para que o motorista seguisse para o bairro André Carloni, também na Serra. Eles seguiram até uma residência, mas ninguém atendeu. 

Depois de algumas voltas, o motorista de aplicativo começou a desconfiar. Quando passava por uma rua com pouco movimento, a mulher pediu ao motorista que parasse o carro para que ela pudesse urinar. No entanto, assim que o motorista parou o veículo, o homem começou a golpeá-lo com uma faca. 

"Ele falou para mim parar o carro, que ela queria urinar. Eu achei estranho, mas parei. Quando eu virei para ver se tinha alguma poça de água, algo para ela descer, o homem já me esfaqueou. Não anunciou nada. Eu tentei sair do carro, mas o cinto me prendeu. Quando eu fui soltar, ele me esfaqueou novamente. As crianças que ficaram assustadas", contou. 

O motorista levou facadas no ombro, no peito e no pulso. Mesmo ferido, ele conseguiu sair correndo. A vítima pediu ajuda aos feirantes que estavam montando a feira livre do bairro. Ele foi levado para uma UPA de Carapina.

Os suspeitos tentaram fugir com o carro, mas como o veículo é automático, não conseguiram ligá-lo. O casal fugiu a pé pelas ruas do bairro.

Na manhã desta segunda-feira (10), a vítima procurou a delegacia para registrar o boletim de ocorrência. O caso será investigado pela Polícia Civil. 

*Com informações da repórter Marla Bermudes, da TV Vitória/Record TV. 

Últimas