Folha Vitória "E se fosse seu filho?": live vai falar sobre bullying e discriminação da creche à universidade

"E se fosse seu filho?": live vai falar sobre bullying e discriminação da creche à universidade

Mediada pela Força Azul ES e Amaes, a live desta quarta-feira (28) tirará novas dúvidas sobre o Transtorno do Espectro Autista (TEA...

Folha Vitória
Foto: Divulgação
Folha Vitória

Folha Vitória

Folha Vitória

Mais uma transmissão ao vivo do "E se fosse seu filho?" acontece nesta semana. Desta vez, o projeto aborda um tema polêmico entre a sociedade e as famílias de pessoas com Transtorno do Espectro Autista (TEA): o bullying e a discriminação dos estudantes das creches até as universidades.

O encontro que acontece, excepcionalmente, nesta quarta-feira (25), às 20h, e será mediado pela psicopedagoga e fundadora do grupo de apoio aos pais de autistas Força Azul ES, Bárbara Campos, e pela presidente da Amaes, Pollyana Paraguassú.

>> Quer receber nossas notícias 100% gratuitas? Participe do nosso grupo de notícias no WhatsApp ou entre no nosso canal do Telegram!

Para falar sobre o assunto da vez, os convidados são: Adrielly Souza e Samanta Moura, secretária e membro da Comissão de Direitos dos Autistas Regional Sudeste da ABA, respectivamente.

Além do advogado Denys Moraes, pai de um autista e faz parte da Comissão Especial de Defesa dos Direitos da Pessoa com Autismo do Conselho Federal da OAB.

Moraes também é vice-presidente da Associação de Direito Educacional - ABRADE-ES, presidente da Comissão de Direitos dos Autistas, Regional Sudeste da ABA e membro da Comissão de Direito Educacional OAB-ES.

'E se fosse seu filho?' tira-dúvidas sobre o espectro autista

Foto: Reprodução
Folha Vitória

Folha Vitória

Folha Vitória

O Transtorno do Espectro Autista, também conhecido como TEA, está relacionado a condições caracterizadas por algum grau de comprometimento no comportamento social, na comunicação e na linguagem.

As lives "E se fosse seu filho?" são transmitidas sempre às quintas-feiras. Você pode acompanhar a transmissão ao vivo pelo Folha Vitória, pela página do Facebook e no canal do YouTube do jornal online. O projeto é uma parceria com o Força Azul Autismo e com a Amaes.

Últimas