Folha Vitória ES terá Dia D no sábado (25) para vacinação contra covid-19 e gripe

ES terá Dia D no sábado (25) para vacinação contra covid-19 e gripe

As vacinas serão disponibilizadas para toda a população. Dede crianças com mais de 5 anos até idosos, com esquema vacinal incompleto

Foto: Alexandre de Souza/Folha Vitória

O Espírito Santo terá um novo Dia D de vacinação contra a covid-19. Marcado para acontecer no sábado, (25), serão ofertadas mais de 50 mil doses, segundo a secretaria de Estado da Saúde (Sesa). As vacinas estarão disponíveis para toda a população. Dede crianças com mais de 5 anos até os idosos, com esquema vacinal incompleto. 

"Convidamos toda a população, as crianças com mais de 5 anos, os adolescentes, a população adulta, que ainda não completou seu esquema vacinal e está apta e quero destacar aqui a decisão do governo do Estado de abrir a aplicação da D4 (segunda dose de reforço) para a população acima dos 30 anos (que tenha passado 4 meses da aplicação da última dose)", destacou o secretário de Estado da Saúde, Nésio Fernandes. 

Os pontos de vacinação serão disponibilizados pelos municípios capixabas já autorizados a aplicar os imunizantes. Aproveitando a campanha contra a influenza, que ainda não alcançou a cobertura prevista, a Sesa decidiu ampliar a oferta de doses para a população com mais de 18 anos apta a ser vacinada. As vacinas poderão ser aplicadas no mesmo momento, em braços diferentes.

50% das internações no ES são de crianças até 4 anos

A 5ª nova onda de casos de covid-19 no Espírito Santo traz números que preocupam. entre os não vacinados internados com a doença, 50% são crianças entre 0 e 4 anos de idade. O grupo ainda não é contemplado por vacinas autorizadas.

Para Nésio Fernandes, o momento pede urgência na aprovação de imunizantes para essa faixa etária. 

 "E neste momento, considerando o impacto da cobertura vacinal nas outras idades, representa um alerta que motivou o Conass a formalizar na Anvisa a urgência na aprovação imediata de vacinas para crianças em idades ainda não contempladas. Temos a Coronavac já aplicada em crianças, a da Moderna nos EUA e o MS avança negociações. As crianças merecem ser protegidas".

Importância de manter vacina em esquema atualizado

O secretário disse ainda que as vacinas são suficientes para reduzir o impacto da pandemia em termos de internação e óbitos. Pra isso, precisam estar no esquema atualizado na maior parte da população.

"Ela protege o indivíduo e, a partir do momento em que atinge 90% de toda a população alvo, passa a ter um efeito em toda a coletividade. Apelamos à população que continue procurando os postos de vacinação", disse.

Na tarde de quarta-feira (22), a Sesa divulgou que o Estado vive uma franca fase de crescimento da curva de casos, internações e óbitos pela covid-19. A informação foi confirmada pelo secretário de saúde, durante entrevista coletiva.

LEIA TAMBÉM: >> ES recebe noivo lote de medicamento para tratar a covid-19

Últimas