Grandes jogos marcam abertura da 7ª etapa do Circuito Rede Vitória ES Open de Tênis

De 10 partidas disputadas até o final, três precisaram de tie-break para definir vencedor. Garotos de 12 anos dão show e eliminam adversários mais velhos

Foto: Matheus Brum
Folha Vitória

Folha Vitória

Folha Vitória

Quem foi até o Clube de Natação e Regatas Álvares Cabral teve o privilégio de assistir a grandes partidas de tênis, nesta quinta-feira (26), na abertura da 7ª etapa do Circuito Rede Vitória ES Open de Tênis. Entraram em quadra participantes das classes 4 e 5.

Estavam previstos 12 jogos. Entretanto, André Ferreira venceu José Vimercati por W.O – em partida válida pela 5ª classe – e Mateus Sperandio conseguiu passar de fase depois que seu adversário, Hudson Meirelles, desistiu por lesão, quando a partida estava empatada em 5x5, no primeiro set. O confronto era válido pela 4ª classe.

Dos 10 confrontos que chegaram até o final, três foram definidos no tie-break, o set de desempate. Para iniciar bem a competição, a partida de estreia, válida pela 5ª classe, foi emocionante. Mateus Camargo, de 12 anos, e Leonardo Guimarães, de 41, também debutavam em torneios que contam pontos para o ranking da Federação Espírito-santense de Tênis (FET). O garoto não deu chances para Leonardo e venceu por 2 sets a 1, com parciais de 6x3, 3x6 e 10x7.

Outro jogo que precisou do set de desempate foi entre Diogo Faria (33) e Victor Oliveira (12), da 4ª classe. Victor começou melhor, vencendo o primeiro set por 6x4. Diogo se recuperou, na sequência, empatando a partida após fechar o segundo set em 6x2. No desempate, o adolescente não sentiu a pressão e conseguiu se classificar ao vencer por 11x9.

As classes são definidas por critérios da própria FET. Segundo o presidente Fernando Testa, os atletas são divididos pela qualidade técnica, e não por idades. “Essa é uma forma que encontramos para trazer mais emoção para o campeonato. Fazemos a triagem por qualidade técnica. Por isso que ocorrem confrontos entre pessoas de idades bem diferentes”, explicou.

Foto: Matheus Brum
Folha Vitória

Folha Vitória

Folha Vitória
O Circuito Rede Vitória ES Open de Tênis vai até o dia 06 de outubro. Todas as partidas são gratuitas. 

A terceira, e última partida, que foi para o tie-break, foi entre Thiago Rediguieri (35) e Gustavo Barachi (35), também pela 4ª classe. Thiago saiu na frente, ao finalizar o set inicial por 7x5. Gustavo correu atrás e empatou, ao fechar o segundo set por 6x4. No desempate, melhor para Thiago, que se classificou ao fazer 10 x 3 em cima do oponente.

Apesar dos confrontos equilibrados, também houve partidas com vitórias elásticas. Pela 5ª classe, Pablo Marques (14) mandou Davi Sperandio (11) para casa depois de vencer por 2 sets a 0 (6x2 e 6x1). Pela 4ª classe, Adelcion Caliman (55) venceu tranquilamente Fernando Bordoni (47) por 2 x 0 (6x0 e 6x1), com direito a pneu, set vencido sem perder um game.

Devido aos grandes jogos logo no primeiro dia, a expectativa para a sequência do torneio só cresceu. “Vai ser um divisor de águas no tênis capixaba. E vai servir para alavancar novos atletas”, finalizou Fernando.

Todos os resultados

18h30

Leonardo Guimarães 1 x 2 Mateus Camargo – 3x6, 6x3 e 7x10 – 5ª classe

Davi Sperandio 0 x 2 Pablo Marques – 2x6 e 1x6 – 5ª classe

Fernando Bordoni 2 x 0 Hanna Pereira – 6x4 e 6x3 – 5ª classe

Alexandre Silva 2 x 0 Lucas Siqueira – 7x6 e 6x2 – 5ª classe

20h

Adelcion Caliman 2 x 0 Fernando Bordoni – 6x0 e 6x1 – 4ª classe

José Vimercati 0 x 2 André Ferreira – André venceu por W.O – 5ª classe

Arthur Pimentel 0 x 2 Gabriel Samu – 0x6 e 3x6 – 5ª classe

Diogo Faria 1 x 2 Victor Oliveira – 4x6, 6x2 e 9x11 – 4ª classe

21h30

Thiago Rediguieri 2 x 1 Gustavo Barachi – 7x5, 4x6 e 10x3 – 4ª classe

Guilherme Faria 2 x 0 Pedro Jayme – 6x3 e 7x5 – 4ª classe

Mateus Sperandio 2 x 0 Hudson Meirelles – 5x5 (Hudson desistiu por lesão) – 4ª classe

Eduardo Arcos 2 x 0 Riquelme Santos – 7x5 e 6x3 – 5ª classe