Folha Vitória Homem é espancado por vizinha após agredir companheira na Serra

Homem é espancado por vizinha após agredir companheira na Serra

Nas proximidades de um bar do bairro Jardim Tropical, um homem de 46 anos foi espancado por uma vizinha após agredir a companheira de 36 anos na noite deste domingo (12), e precisou receber atendimento médico

Folha Vitória
Foto: Reprodução TV Vitória
Folha Vitória

Folha Vitória

Folha Vitória

Nas proximidades de um bar no bairro Jardim Tropical, um homem de 46 anos foi espancado por uma vizinha após agredir a companheira de 36 anos, e precisou receber atendimento médico. 

A Polícia Militar foi acionada. A ocorrência foi registrada na noite deste domingo (12), na Serra.

Quando os militares chegaram ao local, constataram que os envolvidos estavam embriagados e levaram o casal ao Hospital Estadual de Urgência e Emergência (HEUE), em Vitória. 

Depois de receberem atendimento médico, os dois foram encaminhados ao Plantão Especializado da Mulher (PEM), na capital, onde a ocorrência foi registrada.

Homem aguardou a companheira chegar em casa para agredi-la

O caso teve início no último sábado (11), em uma festa na casa da irmã da mulher agredida. 

O homem se desentendeu com algumas pessoas e foi embora, mas a mulher permaneceu na festa.

Quando ela chegou no bairro Jardim Tropical, onde mora com o companheiro, o homem a aguardava e a confusão começou na frente de um bar.

A vizinha da mulher contou que bateu no homem para defender a amiga.

"Ele começou a me agredir com palavras e eu disse que não tinha gostado. Então ele começou a empurrar a esposa dele, jogou ela no chão e deu uma porrada nas costas dela. Foi nessa hora que eu peguei um pedaço de pau e fui para cima dele", contou. 

Na manhã desta segunda-feira (13), o suspeito de agredir a companheira precisou engessar o braço devido a uma fratura.

O homem passou por exames no Departamento Médico Legal (DML) de Vitória antes de ser encaminhado ao Centro de Triagem de Viana.

A equipe da TV Vitória/Record TV não conseguiu entrar em contato com a mulher agredida.

Em nota, a Polícia Civil informou que o conduzido foi autuado em flagrante pelo crime de lesão corporal na forma da Lei Maria da Penha e já foi levado para o presídio.

Com informações do repórter Rodrigo Schereder, da TV Vitória/Record TV 

Últimas