Folha Vitória 'Nasci de novo', diz ambulante atingido por marquise de prédio no Centro de Vitória

'Nasci de novo', diz ambulante atingido por marquise de prédio no Centro de Vitória

A estrutura desabou na manhã desta quinta-feira e atingiu o vendedor Iris Marques Barbosa, de 40 anos, que precisou de atendimento médico

Folha Vitória
Foto: Reprodução / Leitor via WhatsApp
Folha Vitória

Folha Vitória

Folha Vitória

O vendedor ambulante Iris Marques Barbosa, de 40 anos, recebeu alta hospitalar, na tarde desta quinta-feira (29), após ser atingido na cabeça pela marquise de uma loja no Centro de Vitória, que desabou durante a manhã. Ele foi levado para o hospital, onde recebeu pontos na boca e na cabeça e foi submetido a exames, que não acusaram nada de grave.

O vendedor trabalha há 25 anos na região onde aconteceu o acidente — em frente à Praça Oito — e atualmente vende acessórios de celular. Após deixar a unidade de saúde, ele conversou com a equipe de reportagem da TV Vitória/Record TV e contou detalhes do que viveu. 

"Eu estava ali, o sol estava quente e eu afastei um pouco o banquinho da marquise. A marquise desabou de uma vez e aí eu não vi mais nada. Senti uma tonteira e escureceu tudo. Quando eu vi, já tinha uma multidão de gente me socorrendo, o Samu já estava passando, parou e me socorreu", relata.

>> Vídeo mostra momento exato em que marquise desaba em Vitória

O vendedor disse ainda que costuma trabalhar exatamente embaixo da marquise que desabou e acredita que, se estivesse no local em que costuma ficar diariamente no momento da queda da estrutura, provavelmente a história teria um desfecho mais trágico. Ele afirma ter tido um livramento.

"Ali foi um acidente. Eu trabalhei debaixo daquela marquise por muitos anos e foi acontecer logo hoje, que eu não estava tão debaixo dela. Nasci de novo. Foi um livramento de Deus. Do jeito que a marquise caiu ali, só Deus mesmo para salvar", afirmou.

Iris também disse que pretende se recuperar, por alguns dias, do trauma vivido na manhã desta quinta-feira, mas que, depois que estiver melhor, vai voltar para seu local habitual de trabalho. "A vida continua", destacou.

Desabamento

A loja onde o acidente aconteceu foi inaugurada exatamente nesta quinta-feira, por volta das 8 horas. O desabamento aconteceu por volta das 10h30. Pedestres que passavam pela região ficaram assustados.

Quatro pessoas chegaram a ficar presas dentro da loja após o desabamento. Segundo o Corpo de Bombeiros, elas foram resgatadas sem ferimentos.

Engenheiros da Defesa Civil de Vitória estiveram no local, realizaram uma perícia no prédio onde aconteceu o desabamento e informaram que o motivo do acidente pode ter sido falta de manutenção. Ao menos 200 imóveis da região central da cidade já foram notificados pelo mesmo problema.

Últimas