Folha Vitória OAB-ES inicia projeto para funcionamento da sala dos advogados no Complexo Penitenciário de Xuri

OAB-ES inicia projeto para funcionamento da sala dos advogados no Complexo Penitenciário de Xuri

Mais uma conquista para a advocacia criminal capixaba. A OAB-ES, por meio da Comissão da Advocacia Criminal e Política Penitenciária, deu início ao projeto para o funcionamento da sala dos advogados no Complexo Penitenciário de Xuri

Folha Vitória
Foto: Reprodução / OAB-ES
Folha Vitória

Folha Vitória

Folha Vitória

Mais uma conquista para a advocacia criminal capixaba. A OAB-ES, por meio da Comissão da Advocacia Criminal e Política Penitenciária, deu início ao projeto para o funcionamento da sala dos advogados no Complexo Penitenciário de Xuri

Em um lugar estratégico, a sala está localizada na entrada da unidade prisional. O espaço foi disponibilizado pela Secretaria de Estado de Justiça (Sejus) após apresentação do projeto feita pelo presidente da Comissão da Advocacia Criminal Anderson Burke ao secretário Marcello Paiva de Mello.

O projeto visa a instalação de salas de apoio e trabalho para advogados em todas as unidades prisionais do Estado do Espírito Santo. A conclusão das obras e a ambientação da sala para o Complexo de Xuri para pleno funcionamento está prevista já no próximo mês de junho.

O presidente da Comissão da Advocacia Criminal da OAB-ES, Anderson Burke, a assessora jurídica da OAB-ES, Ana Claudia Mutzig, e o representante da Sejus, Wagner Sarmento, realizaram uma visita técnica ao espaço nesta terça-feira (25/05).

Foto: Reprodução / OAB-ES
Folha Vitória

Folha Vitória

Folha Vitória

“Amanhã já daremos prosseguimento junto à Sejus para a ampliação do projeto da criação de salas para outras unidades da Grande Vitória e interior do Espírito Santo. A advocacia criminal capixaba agradece ao Secretário de Justiça, Marcello Paiva de Mello, assim como ao Subsecretário para Assuntos Penais, Alessandro Ferreira de Souza, pelo apoio ao projeto com a cessão imediata dos espaços para as salas. Também agradecemos ao presidente José Carlos Rizk Filho pelo compromisso e zelo assumido com os criminalistas, que certamente ficarão engrandecidos com os espaços de trabalho nos presídios que são, em sua maioria, longe dos centros urbanos, seja para confeccionar uma simples procuração, petição de juntada ou consultas processuais. Ou, ainda, apenas para descansar e tomar uma água ou um café num ambiente climatizado após os atendimentos nos parlatórios. Nós merecemos essa estrutura e conforto, fico muito feliz pela conquista”, afirmou o presidente Burke.

Últimas