Recém-nascida agredida por soco na cabeça recebe alta hospitalar

Durante a confusão, a criança que estava no colo da mãe, teria sido atingida por um forte soco na região da cabeça e precisou ser levada para o hospital

Foto: Suellen Araújo
Folha Vitória

Folha Vitória

Folha Vitória

Recebeu alta hospitalar no fim da manhã de ontem, a recém-nascida atingida por um soco na cabeça, durante uma discussão entre os pais dela, na madrugada do último domingo (15), no bairro Rosário de Fátima, na Serra.

Durante a confusão, a criança que tem pouco mais que 20 dias de vida, estava no colo da mãe, quando foi atingida por um forte soco na região da cabeça e precisou ser levada para o hospital. O pai da criança fugiu depois do ocorrido e até o momento não foi localizado.

Pais de recém-nascida atingida por soco na cabeça podem perder a guarda da criança

A criança estava internada no pronto-socorro do Hospital Infantil de Vitória. O estado de saúde dela não foi informado pela unidade de saúde. Apesar da gravidade dos fatos, a mãe da bebê não registrou boletim de ocorrência contra o marido, que ainda não foi localizado pela polícia.

A Polícia Civil informou que o caso será investigado pela Delegacia Especializada de Proteção à Criança e ao Adolescente (DPCA) e que outros detalhes não serão repassados no momento. 

Entenda o caso

Um bebê recém-nascido foi socorrido ao Pronto Atendimento de Carapina, junto com a mãe, após serem agredido a socos na madrugada de domingo (15) no bairro Rosário de Fátima, na Serra. O principal suspeito é o pai da criança.

Segundo informações da Polícia Militar (PM), a mãe do bebê estaria com a criança no colo quando foi agredida pelo companheiro dela. Por conta do forte soco, a criança foi levada ao UPA da Serra, onde ficou internada antes de receber alta. 

O agressor fugiu e até o momento não localizado.