Folha Vitória Servidor suspeito de desviar R$ 700 mil da Câmara de Itarana é preso em Minas Gerais

Servidor suspeito de desviar R$ 700 mil da Câmara de Itarana é preso em Minas Gerais

O homem trabalhava como tesoureiro da Câmara, quando a quantia desapareceu, na semana passada

Folha Vitória
Foto: Divulgação/PRF-ES
Folha Vitória

Folha Vitória

Folha Vitória
Imagem de arquivo

Um servidor público, suspeito de desviar R$ 700 mil da Câmara Municipal de Itarana, no Sul do Espírito Santo, foi detido pela Polícia Rodoviária Federal em Minas Gerais. O homem trabalhava como tesoureiro da Câmara, quando a quantia desapareceu, na semana passada.

Ele foi abordado pela PRF em seu carro, quando passava pela BR 262, na altura do município de João Monlevade. Foi feita uma vistoria no veículo e R$ 27 mil em dinheiro vivo foram encontrados. A justificativa do suspeito para transportar tanto dinheiro não convenceu os agentes, que consultaram os registros do motorista e viram que ele era procurado pela Polícia Civil do Espírito Santo.

A ocorrência foi encaminhada para a delegacia de João Monlevade, em Minas Gerais

Últimas