Folha Vitória Testes para covid-19 no Aeroporto de Vitória começam a ser realizados nesta quinta-feira

Testes para covid-19 no Aeroporto de Vitória começam a ser realizados nesta quinta-feira

O passageiro interessado deve apresentar um documento. A expectativa é de que sejam feitos, em média, 200 testes por dia

Folha Vitória
Foto: Divulgação/ASeB
Folha Vitória

Folha Vitória

Folha Vitória

Começa, nesta quinta-feira (17), a testagem para covid-19 no Aeroporto de Vitória. Os testes são gratuitos e abertos a todos os voluntários que desejarem participar. A aplicação dos testes terá início no final da tarde.

A testagem vai priorizar os brasileiros que estão chegando de viagem de outros países ou estrangeiros que chegam ao Estado. De acordo com o gerente de Vigilância em Saúde, Orlei Cardoso, a estratégia é um trabalho inédito que visa ampliar a capacidade de testagem do Estado, com exames rápidos e precisos.

"No aeroporto, será um teste com resultado em 15 minutos. Objetivo é testar quem viaja para fora do país e estrangeiros ou quem deseja fazer os testes e se encaixa nos critérios. Serão aplicados testes de antígeno e RT-PCR", explicou.

No Terminal Jardim América, primeiro a receber o teste, haverá um ponto de coleta de material com um equipe preparada para a realização dos exames a partir desta sexta-feira (17). O passageiro interessado deve apresentar um documento. A expectativa é de que sejam feitos, em média, 200 testes por dia.

"Caso tenha resultado positivo, as pessoas receberão uma mascara N-95 para ter mais segurança. Elas também vão receber orientações dentro dos protocolos de saúde, serão orientadas a retornarem para casa e fazer quarentena", afirmou.

Os testes serão realizados de segunda a sexta-feira. Para as próximas semanas, a expectativa é que seja ampliado para outros terminais do Transcol. A testagem vai ser realizada até o final do mês de setembro.

Atendimento por demanda

Em coletiva, realizada na segunda-feira (14), o subsecretário de Vigilância em Saúde, Luiz Carlos Reblin, afirmou que o atendimento será por demanda espontânea, ou seja, quem tiver interesse em fazer o teste deverá procurar o ponto de atendimento, no aeroporto ou no terminal.

Reblin defendeu que a testagem é um elemento chave para o controle da pandemia.

"A testagem é 'ouro' para nós. Agora iniciamos esta etapa nas pessoas que utilizam o sistema de transporte coletivo na Grande Vitória e para aquelas pessoas que chegam ao aeroporto, especialmente para quem vem de outros países", ressaltou Reblin.

90 dias de testagem

Segundo o secretário de Saúde, Nésio Fernandes, a ação terá duração de 90 dias. Ao fim do prazo, a Sesa fará avaliação se seguirá ou não com o plano.

O subsecretário Reblin acredita ainda que a ferramenta contribuirá para o controle do Aeroporto, mesmo que a responsabilidade pelo local seja da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa).

"É importante para observar se tem a introdução de alguma variante que pode ser um ponto de crescimento novamente dos casos de coronavírus", finalizou.   

Últimas