Mais duas mulheres são vítimas de agressões dos maridos

Duas mulheres foram agredidas na madrugada deste sábado (28), em Rondonópolis (distante 212 km ao sul de Cuiabá). O primeiro caso foi registrado por volta das 01h10, no bairro Vila Olinda 2. 

A Polícia MIlitar foi acionada, via denúncia anônima, para atender uma mlher que gritava por socorro. Policiais chegaram na casa, que estava fechada, se identifcaram e a vítima respondeu que mesmo impedida pelo ex-marido iria abrir a porta. 

Leia também -  Homem é preso por abusar de criança em posto de saúde de Mato Grosso

A vítima foi encontrada com hematomas, lesões no rosto e lábios. Segundo ela, o ex-marido Adilson Borges dos Santos, 38, chegou à sua casa por volta das 21h, provavelmente sob o o efeito de bebidas alcoólicas. Ele teria iniciando a discussão fazendo acusações sobre passado dela e, apartir daí, passou a praticar agressões com socos. Também fez ameaças de morte, caso ela fizesse qualquer denúncia contra ele. 

Ela contou para os policiais que chegou a pegar uma faca para tentar se defender, mas não chegou a desferir contra o agressor. 

Também, em Rondonópolis, no bairro Cidade Salmem, a PM foi acionada por volta das 03h40. A vítima relatou que estava dorimindo com a filha menor quando ouviu o marido Alexandre Boff, 40, falar "coisas sem nexo". Neste momento, ela abriu a porta do quarto e perguntou o que estava acontecendo e o acusado passou a lher dar socos no rosto, braços e pescoço. Ele ainda aplicou o golpe "mata leão", contudo a vítima conseguiu se soltar do agressor e correu para o quarto.  

O suspeito com um machado começou a dar golpes na porta, que foi sustentada por uma rack empurado pela vítima. Neste momento, um parente chegou na residência e o agressor parou com a violência e foi dormir. 

Então, a vítima acionou a polícia. O homem foi preso no quarto e levado para a delegacia.