Portal Correio Pequenos negócios geraram mais de 21 mil postos de trabalho na Paraíba em 2021, revela Sebrae 

Pequenos negócios geraram mais de 21 mil postos de trabalho na Paraíba em 2021, revela Sebrae 

Um levantamento realizado pelo Sebrae Paraíba, a partir de dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), do Ministério da Economia, revelou que de janeiro a setembro deste ano, as micro e pequenas empresas da Paraíba apresentaram saldo positivo de 21.981 postos de trabalho, enquanto que as médias e grandes empresas, no mesmo período, […]

Portal Correio
Portal Correio

Portal Correio

Portal Correio
(Foto: Imagem ilustrativa | Pedro Ventura/Agência Brasil)

Um levantamento realizado pelo Sebrae Paraíba, a partir de dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), do Ministério da Economia, revelou que de janeiro a setembro deste ano, as micro e pequenas empresas da Paraíba apresentaram saldo positivo de 21.981 postos de trabalho, enquanto que as médias e grandes empresas, no mesmo período, apresentaram saldo positivo de 2.445 vagas.  

Ainda sobre o acumulado de janeiro a setembro, os números indicam que a administração pública apresentou saldo negativo de 27 vagas, enquanto que as contratações realizadas por pessoas físicas encerraram o período com saldo positivo de 157 postos de trabalho. Considerando apenas o universo dos pequenos negócios, os dados do Caged também revelam que o setor de serviços foi o responsável pela criação do maior número de vagas, apresentando saldo positivo de 8.949 postos de trabalho.  

Em seguida, aparecem o comércio, com 5.977 vagas; a indústria de transformação, com 3.176 postos de trabalho; a construção civil, que apresentou saldo positivo de 3.105 vagas; a agropecuária, com 673 postos de emprego; e a indústria extrativa mineral, que encerrou o período com saldo positivo de 150 vagas. Ainda segundo os números, apenas os pequenos negócios do setor de serviços industriais de utilidade pública apresentaram saldo negativo, que foi de 49 vagas entre janeiro e setembro.

JP teve maior saldo

Já os dados levantados pelo Sebrae Paraíba em relação aos municípios indicam que, de janeiro a setembro, a capital João Pessoa apresentou o maior saldo do estado, com 8.801 postos de trabalho. Por sua vez, as cidades de Campina Grande e Cabedelo apresentaram, respectivamente, saldos positivos de 3.238 e 1.136 vagas. Completando a lista dos cinco municípios com melhor desempenho na geração de empregos entre os pequenos negócios, as cidades de Santa Rita e Patos contabilizam saldos positivos de 968 e 645 vagas, respectivamente.  

Para a gerente da Unidade de Gestão Estratégica e Monitoramento do Sebrae Paraíba, Ivani Costa, os números do Caged refletem a capacidade de reação dos pequenos negócios diante de cenários adversos, como a pandemia de Covid-19. “Com quase 90% do estoque formal de empregos, as micro e pequenas empresas compõem a grande engrenagem do cenário da empregabilidade. São elas que reagem mais rapidamente às mudanças neste mercado”, explicou Ivani Costa.  

Ainda conforme a gerente, os dois últimos meses do ano também devem apresentar um cenário favorável para a geração de empregos. “O calendário de fim e ano e os preparativos para o início de 2022 tradicionalmente convocam as novas vagas. Esse é o momento em que o comércio se antecipa e inicia os treinamentos para as vendas das datas comemorativas”, pontuou a gerente. 

Últimas