Economia BCE corta estímulo emergencial, mas promete apoio abundante

BCE corta estímulo emergencial, mas promete apoio abundante

MACRO-ECONOMIA-BCE-PEPP:BCE corta estímulo emergencial, mas promete apoio abundante

Reuters - Economia

FRANKFURT (Reuters) - O Banco Central Europeu (BCE) cortou mais estímulos à economia da zona do euro nesta quinta-feira, mas prometeu apoio abundante para 2022, confirmando sua visão relaxada sobre a inflação e indicando que qualquer saída de anos de política monetária excepcionalmente estimulativa será lenta.

O banco disse que continuará reduzindo as compras de títulos sob seu Programa de Compras de Emergência da Pandemia (PEPP) de 1,85 trilhão de euros no próximo trimestre e encerrará o esquema em março, conforme esperado.

No entanto, aumentará as compras de títulos sob seu Programa de Compra de Ativos, de maior duração, porém mais rígido, mantendo o BCE ativo no mercado. O banco central da zona do euro disse que considera o salto recente na inflação como temporário.

(Por Balazs Koranyi)

Últimas