Economia Dólar cai a R$ 5,62, mas registra 3ª alta trimestral consecutiva

Dólar cai a R$ 5,62, mas registra 3ª alta trimestral consecutiva

Queda de 0,43% não impediu que a moeda norte-americana acumulasse alta de 2,52% em setembro e de 3,29% no trimestre

Reuters
Dólar teve maior valorização para setembro desde 2015

Dólar teve maior valorização para setembro desde 2015

Gary Cameron/Reuters

O dólar fechou a última sessão de setembro em queda, o que, porém, nem de longe impediu que a moeda cravasse a segunda alta mensal seguida e marcasse o terceiro trimestre consecutivo de valorização, períodos marcados por recrudescimento de preocupações fiscais domésticas.

Nesta quarta-feira (30), a moeda norte-americana à vista caiu 0,43%, para R$ 5,6188. O pregão foi volátil, com a cotação indo de alta de 0,49% (para R$ 5,6705) a queda de 0,73% (a R$ 5,6015).

O dólar chegou flertar com R$ 5,68 reais nesta semana, revisitando patamares vistos pela última vez em maio, quando a moeda bateu recorde atrás de recorde.  No acumulado de setembro, a divisa subiu 2,52%, o que se soma à alta de 5,02% de agosto. É a maior valorização para meses de setembro desde 2015 (+9,33%).

Últimas