Trump: lançaremos um 'conselho de reabertura dos EUA' na terça-feira

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, anunciou na tarde desta sexta-feira, 10, que o governo americano lançará, na terça-feira, 14, um conselho para discutir a reabertura da economia do país, paralisada para conter o novo coronavírus. Ainda assim, o republicano destacou que a prioridade no país é salvar vidas, e depois as empresas afetadas pela crise trazida pela pandemia.

Trump tem anunciado, nas últimas semanas, uma série de medidas para amortecer os impactos econômicos do coronavírus. Um "bom pacote" para as empresas aéreas também já estaria no radar do governo local, conforme reforçou hoje o líder da Casa Branca em coletiva de imprensa. "Também não podemos deixar que nada aconteça com a Boeing", acrescentou. A fabricante de aviões é uma das empresas de maior peso no índice acionário Dow Jones.

Sobre a situação dos EUA em meio à pandemia, Trump declarou que "tudo ficará bem" caso os estímulos econômicos preparados pelo Executivo sejam devidamente adotados. "As coisas vão bem, inclusive no mercado acionário", afirmou. "Há chance de termos crescimento recorde no quarto trimestre de 2020", completou o presidente americano.

Donald Trump, porém, fez um chamamento à ajuda do Poder Legislativo - o governo tem enfrentado dificuldades para aprovar projetos. "O Congresso, agora, deve focar em aprovar programa de corte de impostos da folha de pagamentos", declarou.

Como já fez ao longo da semana, o presidente americano elogiou a atuação de bancos grandes e comunitários, que estariam ajudando o governo na concessão de crédito a empresas e cidadãos. Sobre o corte na produção de petróleo decidida ontem pela Organização dos Países Exportadores de Petróleo e aliados (Opep+), Trump disse que teria "cortado mais".