Governo define hoje lista de escolas que não terão Enem por causa de ocupações

Levantamento da Ubes aponta que 1.197 colégios estão ocupados em 19 Estados e no DF

Alunos ocupam o Colégio Estadual Central em Belo Horizonte (MG)

Alunos ocupam o Colégio Estadual Central em Belo Horizonte (MG)

O Tempo/Folhapress

O Inep (Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira), órgão do MEC (Ministério da Educação) responsável pelo Enem (Exame Nacional do Ensino Médio), define, na tarde desta-terça-feira (1º), a lista de escolas onde a aplicação da prova será suspensa devido às ocupações estudantis.

Cerca de 95 mil alunos que fariam o exame nesse final de semana devem fazer a prova provavelmente em 6 e 7 de dezembro. Na mesma data, será aplicada prova a candidatos privados de liberdade e jovens sob medida socioeducativa.

A lista final deve ser divulgada às 15h pela presidente do Inep, Maria Inês Fini.

Os alunos que forem afetados pela possível mudança de data devem ser avisados por e-mail, SMS e na Página do Participante, no site do Enem.

Esses candidatos representam pouco mais de 1% do número total de inscritos, que superou os 9,2 milhões neste ano.

Os estudantes protestam contra a medida provisória que determinou a reforma do ensino médio, contra a PEC do Teto - que congela as despesas do governo, incluindo a área de educação, por até 20 anos - e também contra o projeto Escola Sem Partido, que tramita no Congresso Nacional.

O levantamento mais recente da Ubes (União Brasileira de Estudantes Secundaristas), divulgado na noite de sexta, aponta que 1.197 instituições de ensino seguiam ocupadas em 19 Estados e no Distrito Federal (DF).

No Paraná, porém, onde o movimento é mais forte, o número de ocupações caiu de 431 na sexta-feira (28) para 315 na segunda-feira (31). Mas, enquanto alguns colégios eram liberados, um grupo de alunos ocupou o Núcleo Regional de Educação, em Curitiba. A ação, segundo os estudantes, foi uma resposta às desocupações de alguns colégios.

Leia mais notícias de Educação