Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Publicidade

EUA, Japão e Coreia do Sul prometem 'resposta forte' a testes nucleares da Coreia do Norte

Joe Biden prometeu empregar toda sua capacidade, incluindo nuclear, para defender seus aliados

Internacional|Do R7


Pyongyang atribui testes a ação "agressiva e provocadora" de Seul e Washington
Pyongyang atribui testes a ação "agressiva e provocadora" de Seul e Washington JUNG YEON-JE/AFP

Os governos de Estados Unidos, Japão e Coreia do Sul prometeram, neste domingo (13), uma resposta "forte e firme" a qualquer teste nuclear por parte de Pyongyang. Os líderes dos três países emitiram uma declaração conjunta após sua reunião trilateral no Camboja.

No documento, o presidente dos EUA, Joe Biden, promete mobilizar "toda gama de capacidades, incluindo as nucleares", para defender seus aliados. Ele, o primeiro-ministro japonês, Fumio Kishida, e o presidente sul-coreano, Yoon Suk-yeol, "reafirmam que um teste nuclear norte-coreano será seguido por uma resposta forte e firme por parte da comunidade internacional".

Os três países “trabalharão juntos para reforçar sua capacidade de dissuasão”, diz a nota. A Coreia do Norte fez uma série de lançamentos no início de novembro, incluindo o de um míssil balístico que caiu perto das águas territoriais da Coreia do Sul.

Outro míssil balístico norte-coreano sobrevoou o Japão em setembro. Pyongyang justificou suas ações pela atitude "agressiva e provocadora" de Seul e Washington, que realizavam, ao mesmo tempo, as maiores manobras militares aéreas de sua história.

Na segunda-feira (14), Biden deve se reunir em Bali com o líder chinês, Xi Jinping, em paralelo à cúpula do G20, com a intenção de pedir-lhe que convença Pyongyang a não ir mais longe.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.