Minas Gerais Homem é preso suspeito de matar irmã para usar pensão da mãe

Homem é preso suspeito de matar irmã para usar pensão da mãe

Suspeito confessou ter matado a mulher com tiro de espingarda e golpes de facão depois que ela pediu medida protetiva contra ele

Homem matou irmã na frente do pai, um senhor de 85 anos de idade, em Capitão Enéas (MG)

Homem matou irmã na frente do pai, um senhor de 85 anos de idade, em Capitão Enéas (MG)

Reprodução/Google Maps

Um homem de 58 anos foi preso na noite desta quinta-feira (13), na cidade de Capzzitão Enéas, a cerca de 480 km de Belo Horizonte. Ele é suspeito de matar a irmã, dois anos mais velha, devido a um desentendimento sobre o uso da pensão da mãe, que já morreu, e do cartão de aposentadoria do pai. O crime ocorreu na última quarta-feira (12). 

A mulher foi assassinado com um tiro de espingarda, além de vários golpes de facão. O crime foi testemunhado pelo pai das vítimas, um idoso de 85 anos. 

De acordo com a polícia, o suspeito foi encontrado em casa e não resistiu à prisão. Os militares chegaram ao local após denúncias anônimas de moradores da cidade, indicando que ele teria retornado para casa. Em uma primeira abordagem, o homem teria se escondido ao notar a chegada das viaturas. Da segunda vez, ele foi encontrado dentro de casa. 

Aos policiais, ele disse que cometeu o crime porque a irmã pediu uma medida protetiva contra ele para que não pudesse se aproximar da casa do pai. Ela também teria conseguido, na Justiça, a posse dos cartões da aposentadoria e da pensão. O homem disse ainda que a vítima teria ameaçado envenenar os filhos dele. Ele foi levado para uma delegacia em Montes Claros, a 60 km da cidade. 

Últimas