Queda de barragem em minas

Minas Gerais Viagens de trem de MG para ES são suspensas após protesto de atingidos em Mariana

Viagens de trem de MG para ES são suspensas após protesto de atingidos em Mariana

Operação foi interditada nos dois sentidos nesta sexta-feira (22); erosão já comprometia trechos da ferrovia em Minas Gerais 

  • Minas Gerais | Ana Gomes, Do R7

Viagens devem voltar neste sábado (23)

Viagens devem voltar neste sábado (23)

Vale/Divultação

Um protesto de um grupo de atingidos pelo rompimento da barragem do Fundão, em Mariana, suspendeu as viagens do trem que faz o trajeto de Minas Gerais para Vitória (ES), nesta sexta-feira (22), nos dois sentidos. Segundo a Vale, que administra a operação do transporte, a previsão é que o serviço seja normalizado neste sábado (23).

Ainda de acordo com a empresa, a manifestação começou nesta quinta-feira (21), em Aimorés, a 457 km de Belo Horizonte, e comprometeu as viagens. Os passageiros que não conseguirem embarcar podem remarcar o bilhete ou pedir o reembolso do valor pago no prazo de até 30 dias.

A Fundação Renova, criada pelas empresas para gerenciar e executar as medidas de reparação após o rompimento, disse que considera legítima qualquer manifestação popular, mas que “não é possível haver qualquer tipo de negociação mediante ações que violem o direito de ir e vir de terceiros”.

Erosão

As viagens do trem de passageiros da Vale já estavam interrompidas em dois trechos após uma erosão ser identificada na ferrovia durante as chuvas intensas que atingiram o estado no início do ano. As interdições são entre Antônio Dias e Belo Horizonte, e entre Itabira e Nova Era.

A empresa informou que equipes de manutenção estão atuando para a retomada das operações.

Últimas