Luiz Fara Monteiro Polícia Italiana encomenda helicópteros AW119Kx com novas funções

Polícia Italiana encomenda helicópteros AW119Kx com novas funções

Contrato foi assinado para 20 helicópteros, incluindo serviços de apoio e treinamento, com previsão de entrega entre 2023 e 2026

Helicóptero AW119Kx, da Leonardo: contrato com a Polícia da Itália

Helicóptero AW119Kx, da Leonardo: contrato com a Polícia da Itália

Leonardo - Divulgação

A Leonardo anunciou hoje a assinatura de um contrato com a polícia italiana, os Carabinieri, para o fornecimento de 20 helicópteros monomotores AW119Kx, que serão utilizados no serviço aéreo. As aeronaves serão montadas nas instalações da Leonardo na cidade de Vergiate, na comuna de Varese, e tem entregas previstas para o período entre 2023 e 2026. O contrato também inclui um pacote abrangente de suporte logístico e serviços de treinamento para pilotos e técnicos de manutenção.

A entrega dos helicópteros permitirá que os Carabinieri atendam aos requisitos de modernização de sua frota para fortalecer e aumentar ainda mais a segurança das comunidades nacionais. Isso será possível através da realização de uma série de tarefas de patrulha e reconhecimento, identificando alvos críticos e coletando evidências de investigação, assim como apoiando as atividades das unidades terrestres. Outras funções também incluem monitoramento e proteção ambiental e, quando solicitado pela Autoridade Nacional de Assistência a Desastres, combate a incêndios e missões de resgate.

Os AW119Kxs apresentam tecnologia digital, que aumenta a eficácia e reduz os custos operacionais. Os helicópteros serão usados nos locais existentes do serviço, que incluem 18 bases espalhados por todo o país. Seus equipamentos permitirão total interoperabilidade com outros ativos dos Carabinieri e total cooperação com outras forças armadas e agências governamentais, tanto no país quanto internacionalmente.

Gian Piero Cutillo, Diretor Geral da Leonardo Helicopters, comenta: “A introdução do AW119Kx na frota do Carabinieri Air Service integra de maneira ideal as capacidades que o operador já havia escolhido quando adquiriu as aeronaves AW139 e AW169. Os helicópteros respondem ao amplo espectro de requisitos do Serviço Aéreo, considerando suas atribuições nacionais dentro de um cenário operacional cada vez mais complexo. Estamos orgulhosos de continuar a apoiar os Carabinieri com recursos para que possam enfrentar os desafios de segurança e beneficiar as comunidades nacionais”.

As características específicas do AW119Kx e sua certificação e padrões militares permitem ao operador realizar missões em áreas urbanas de forma eficaz e segura graças a características como as redundâncias de sistema, margem de potência, excelente visibilidade externa, navegação digital avançada e aviônicos de missão. Este último é baseado em um cockpit Garmin G1000H com amplas telas coloridas, visão sintética, HTAWS e navegação por satélite/mapa em movimento. O AW119Kx possui cabine e compartimento de bagagem espaçosos, além de alta folga do rotor principal, para maior segurança do pessoal. Os AW119Kxs dos Carabinieri contarão, entre outros, com HDEO, gancho de carga, console de missão com data-link, sistema hiper espectral para monitoramento ambiental, rádio, cortador de fio, holofote e balde Bambi. Provisões para um sistema flutuante de bote salva-vidas e um kit de neve também estão incluídos.

Altamente versátil, o AW119Kx possui aviônicos VFR e IFR com base na escolha do cliente. Essa característica permite maior consciência situacional, eficácia e segurança da missão. A aeronave possui desempenho inigualável, com alta margem de potência e a cabine mais espaçosa de sua categoria, podendo acomodar até seis passageiros dependendo da configuração. Mais de 490 AW119s foram vendidos até hoje.

A Leonardo, uma empresa global de alta tecnologia, está entre os principais players mundiais em Aeroespacial, Defesa e Segurança e a principal empresa industrial da Itália. Organizado em cinco divisões de negócios, a Leonardo tem uma presença industrial significativa na Itália, Reino Unido, Polônia e EUA, onde também atua por meio de subsidiárias que incluem Leonardo DRS (eletrônica de defesa), e joint ventures e parcerias: ATR, MBDA, Telespazio, Thales Alenia Space e Avio.

A Leonardo compete nos mais importantes mercados internacionais aproveitando suas áreas de liderança tecnológica e de produtos (Helicópteros, Aeronaves, Aeroestruturas, Eletrônica, Segurança Cibernética e Espaço). Listado na Bolsa de Valores de Milão (LDO), em 2020, a Leonardo registrou receitas consolidadas de € 13,4 bilhões e investiu € 1,6 bilhão em Pesquisa e Desenvolvimento. A empresa faz parte do Índice Dow Jones de Sustentabilidade (DJSI) desde 2010 e está confirmada entre os líderes globais de sustentabilidade em 2021. Leonardo também está incluído no índice MIB ESG.

Os textos aqui publicados não refletem necessariamente a opinião do Grupo Record.

Últimas