R7 Planalto Exonerado após usar avião da FAB comemora novo cargo no governo

Exonerado após usar avião da FAB comemora novo cargo no governo

José Vicente Santini foi nomeado nesta quarta-feira (4) como secretário Nacional de Justiça do Ministério da Justiça e Segurança

Na imagem, José Vicente Santini

Na imagem, José Vicente Santini

ROSINEI COUTINHO/STF

José Vicente Santini, exonerado após usar avião da FAB (Força Aérea Brasileira), comemorou nesta quarta-feira (4) o novo cargo que ganhou no governo federal.

"Assumo hoje um grande desafio. À frente da Secretaria Nacional de Justiça, abraço o compromisso de promover a política de justiça em suas diferentes esferas e em articulação com os 3 Poderes. Agradeço ao presidente e ao ministro pela confiança", afirmou via redes sociais.

Santini foi nomeado nesta quarta-feira (4) como secretário Nacional de Justiça do Ministério da Justiça e Segurança Pública. O cargo era ocupado anteriormente por Claudio de Castro Panoeiro.

O novo secretário havia sido demitido do governo federal por ter usado um avião da FAB para viajar à Índia. Na ocasião, o funcionário público estava como ministro interino devido a período de férias do titular da Casa Civil, Onyx Lorenzoni.

De acordo com a Casa Civil, a utilização de aeronave da FAB "seguiu os critérios definidos na legislação vigente", mas o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) considerou a medida um ato inadmissível, uma vez que ministros optaram por viajar por companhias comerciais e Santini, um avião particular da FAB.

Na época, Santini exercia o cargo de secretário-adjunto da Casa Civil. Após o episódio, ocorrido em janeiro, foi exonerado. Meses depois, em setembro, foi nomeado como assessor no Ministério do Meio Ambiente. Por fim, em fevereiro último, ocupou o cargo de secretário-executivo da Secretaria-Geral da Presidência da República. Agora, cuidará de secretaria da Justiça.

Últimas